Siga
Grupo KES - Curso de Formação de Bombeiro Civil
PMDB agirá para obrigar deputados a votarem a favor da Previdência
Foto: Folhapress

Brasil

PMDB agirá para obrigar deputados a votarem a favor da Previdência

Bancada de parlamentares da sigla vai levar a discussão à cúpula do partido ainda esta semana

A pedido do presidente Michel Temer, o PMDB decidiu acelerar a articulação de uma medida que deve obrigar os deputados do partido a votar a favor da reforma da Previdência na Câmara – o chamado “fechamento de questão”.

A bancada de parlamentares da sigla vai levar a discussão à cúpula do partido ainda esta semana.

“Vamos propor ao partido, e [o presidente do PMDB, Romero] Jucá deve reunir a Executiva para decidir. O partido tem de se posicionar na Previdência. Foi assim no teto e vai ser fundamental neste momento”, afirmou o líder Baleia Rossi (PMDB-SP).

O Palácio do Planalto e os líderes peemedebistas decidiram apressar esse movimento depois que o PSB se declarou contra as reformas de Temer e aprovou medida que pode punir os deputados da bancada que contrariarem essa orientação.

O governo quer que o PMDB acelere essa manifestação de apoio à Previdência e obrigue seus deputados a votarem a favor da reforma para que os demais partidos da base sigam o exemplo. Outras siglas, como o PP, já discutem fechar questão, mas ainda não fizeram deliberações formais sobre o assunto.

O Planalto quer dar um sinal de que há um compromisso da base aliada com a reforma e que a decisão do PSB de se posicionar contra o projeto não vai contaminar a base aliada.

Temer discutiu o assunto na noite de segunda-feira (24) com auxiliares e com o líder peemedebista. O ministro Henrique Meirelles (Fazenda), que manifestou receio com as dificuldades enfrentadas pela reforma, foi informado do movimento pelo próprio presidente.

Para que o fechamento de questão seja concretizado, a bancada precisa pedir ao presidente do PMDB a convocação de uma reunião da Executiva Nacional (instância superior de deliberação da sigla) para que a questão seja votada e aprovada.

Caso essa decisão seja tomada, os deputados ficariam obrigados a votar de acordo com a orientação da liderança do partido no plenário -favorável à reforma. Quem descumprir a orientação pode ser punido pela legenda.

Fonte: Folhapress

comentários

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Home Help Reparos e Soluções!

Publicidade

Aggio Climatização

Mais em Brasil