Siga
DEFESA CIVIL - Projeto atenderá comunidades do Alto, Médio e Baixo Madeira
Foto: Comdecom

Cidade

DEFESA CIVIL – Projeto atenderá comunidades do Alto, Médio e Baixo Madeira

Distritos serão preparados para enfrentar problemas e terão serviços sociais

Começará pela região do Alto Rio Madeira, pelos distritos de Abunã, Penha, Fortaleza do Abunã, Extrema, Nova Califórnia e Vista Alegre do Abunã, o projeto Defesa Civil na Comunidade e a Garantia dos Direitos Humanos, que orientará famílias, preparando-as para atuar em situações antes, durante e após desastres, a exemplo da supercheia de 2014, que deixou mais de 30 mil desabrigados, além de ameaças e ocorrência de desbarrancamentos do ainda em formação Madeira.

O projeto atenderá também às comunidades do Médio e Baixo Madeira, ficando este último para 2018, enquanto as anteriores entre 4 de junho e 25 de novembro deste ano, levando e garantindo acesso a serviços e equipamentos sociais e cidadania.

A apresentação do projeto foi feita por Marcelo Silva dos Santos, diretor do Departamento de Defesa Civil da prefeitura de Porto Velho, no auditório da biblioteca municipal Francisco Meireles, na manhã de terça (9), com representantes de instituições parceiras.

Marcelo lembrou que as demandas locais foram identificadas pela Defesa Civil mas a ação para atendê-las será específica de cada secretaria, a exemplo da Semasf (Assistência Social e da Família), Coordenadoria de Mulheres, Semes (Esporte e Lazer), Semusb (Serviços Básicos) e Sema (Meio Ambiente), além da Semusa (Saúde), pelo município; Correios, Ministério Público, Defensoria Pública, Defesa Civil estadual e Seas (Ação Social estadual), Tudo Aqui (identidade, carteiras de identidade e trabalhista e CPF etc..

Juntos, esses entes atenderão com vacinação e saúde, documentação, justiça, limpeza, educação ambiental, cadastramento e revisão de cadastro no programa Bolsa Família, “tornando disponível o acesso a serviços e equipamentos sociais relevantes para a comunidade dos distritos e suas localidades”, explicou Marcelo, que destacou o total apoio do prefeito dr Hildon ao projeto.

LOCALIDADES

O projeto Defesa Civil na Comunidade e a Garantia dos Direitos Humanos está previsto para acontecer, inicialmente, no Alto Madeira no dia 4 de junho, atendendo a quase 3.400 pessoas. Em 29 de julho, em Aliança, atendendo a Brasileira, Bom Será, Calderitas, Boca do Jacu, Gleba Jamari, Itacoá, Nova Aliança; 23 de setembro, em Cujubim, atendendo a Cujubinzinho, Linha da Amizade, Linha do Estudante, Linha Brasil, Ramal Oriente, Porto Chuelo, Mutuns, Bom Jardim e Ilha dos Veados.

Dia 25 de novembro, no distrito de Niterói, Maravilha 2, Amparo, Remanso Grande, Lago do Azul e Belmont. Todas as comunidades integram o Médio Madeira. As comunidades do Baixo Madeira só serão atendidas pelo projeto a partir de 2018.

Fonte: Comdecom

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho

Publicidade

Aggio Climatização