Siga

Cidade

Prefeitura e governo sorteiam unidades habitacionais na capital

Moradias devem ser entregues até dezembro deste ano, segundo Semur e Seas

Ana Célia Duarte, 69 anos, foi a primeira contemplada, na cota de idosos, no sorteio, na manhã desta quinta-feira (20), das 2.752 unidades habitacionais Morar Melhor e Cidade de Todos III, realizado pela prefeitura de Porto Velho e pelo governo estadual – o sorteio foi online, com transmissão ao vivo pelo facebook – do auditório da Sesau, no CPA.

Ana Célia morava, até quando pôde pagar, de aluguel, mas atualmente mora “de favor em casa de uma família”. Seu nome foi o primeiro apontado pelo sistema, na cota de idosos, logo depois da destinada a portadores de necessidades especiais, no sorteio realizado pela Secretaria Municipal de Regularização Fundiária, Habitação e Urbanismo e pela Secretaria Estadual de Assistência Social.

Vários candidatos a moradia social compareceram ao auditório da Sesau, mas a grande maioria acompanhou o processo pelo facebook, que nos primeiros minutos já registrava mais de 3 mil visualizações. São priorizados no sorteio idosos, portadores de necessidades especiais – inclusive microcefalia, beneficiários do programa Bolsa Família, incluídos em Benefício de Prestação Continuada, moradores em áreas de risco, dentre outros.

Depois do sorteio, segue-se agora à realização de outros procedimentos previstos no programa como sorteio de endereços, vistorias, entrega de documentação dos interessados, além de inclusão dos beneficiários no Cad-Único até a entrega das chaves.

Onde ficam

As 2.512 unidades do Morar Melhor, do governo estadual, ficam no bairro Aeroclube, enquanto as 240 do Cidade de Todos III, são no bairro Socialista. O sorteio foi acompanhado por auditores do Ministério Público Estadual, Caixa Econômica, Federal, Tribunal de Contas de Rondônia, Conselho das Cidades e seguiu critérios do Ministério das Cidades.

Pela primeira vez realizou-se um sorteio eletrônico para um programa habitacional graças à parceria de integração fechada entre estado e município, desde 2016, e cuja implantação e adaptação ocorreu até mês passado. “Tudo com transparência e lisura porque entendemos que trabalhamos não com papel, mas com pessoas que acreditam no sistema, valorizando a inclusão social”. Segundo ela, mais de 8.500 pessoas estão no cadastro nos programas habitacionais em Porto Velho.

A secretária de Ação Social de Rondônia, Marionete Sena, acionou o sistema de sorteio, depois de dizer que as moradias serão entregues até dezembro deste ano. “Destacamos a parceria entre estado e município para garantir trabalho sério, transparente e comprometido, com lisura a quem carece e tem direito à moradia própria”.

O resultado do sorteio será publicado nos sites da prefeitura e do estado e também nos diários oficiais do município e do estado.

José Carlos Gadelha, coordenador de Habitação da Seas, diz que as pessoas incluídas no cadastro geral do estado e do município que ainda não foram contempladas serão prioritárias em certames seguintes.

LISTA DOS SORTEADOS CIDADE DE TODOS III

LISTA DOS SORTEADOS MORAR MELHOR

Fonte: Semur e Seas

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho

Publicidade

Aggio Climatização