Siga
Professores dão dicas de como organizar rotina de estudos para o Enem
Construir uma rotina de estudos, revisão e descanso é um fator importante para um bom resultado Divulgação/MEC

Educação

Professores dão dicas de como organizar rotina de estudos para o Enem

Especialistas aconselham a tirar pelo menos duas horas diárias para estudar conteúdo, refazer provas dos exames anteriores e se manter atualizado no noticiário

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017 já tem data para acontecer. Em dois domingos (5 e 12 de novembro), candidatos de todo Brasil farão provas com conteúdo das áreas de linguagens, códigos, ciências Humanas e ciências da natureza, além de solucionar questões de matemática e fazer uma redação.

Professores e especialistas alertam para que candidatos intensifiquem as revisões das matérias nesses meses que antecedem a prova e acompanhem o noticiário, para se manterem atualizados.

O professor de sociologia e especialista em gestão da Educação pela Universidade de Brasília (UNB), Bruno Borges, ressalta a importância de os estudantes responderem as provas dos anos anteriores e também de terem um objetivo bem definido.

“Mais do que qualquer material publicado, o principal referencial do aluno são as edições do Enem desde 2009. O ideal é começar de trás para frente, fazendo as provas de 2016, 2015, 2014. De maneira alguma ultrapasse 2009, porque a avaliação era diferente da atual”, indica o professor do projeto de pré-vestibular #BoraVencer, do Governo do Distrito Federal.

O planejamento de estudos deve ser voltado para o que já foi mais cobrado, completa Borges, e o edital da universidade também deve guiar o conteúdo revisado.

“Se ele quer medicina na UnB, a universidade tem um sistema de pesos. Ciente do sistema de pesos da universidade que ele deseja e do curso que tem meta, pode fazer um planejamento do que estuda. Se tem outro objetivo, como medicina na Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs), o cálculo muda por completo”, alerta Borges. “Uma vez que ele saiba o que quer, deve buscar o termo de adesão da universidade”.

Notícias

O professor Ivan Bastos da Silva, que dá aulas de geografia no cursinho Vestibular Cidadão, em Brasília, lembra a importância de acompanhar o noticiário e se manter atualizado – a prova do Enem traz sempre temas atuais relacionados aos conteúdos do ensino médio.

“Se o aluno tratar o conteúdo apenas como memorização, vai se sair mal. Tem que fazer correlação entre eventos, fatos e fazer a ligação com as questões, em especial nas disciplinas de humanas”.

A internet é uma grande aliada na busca pela aprovação: além das notícias, filmes, séries e videoaulas podem ajudar o aluno a aprender de maneira mais leve e complementar os estudos tradicionais. A plataforma adaptativa Geekie Games, gratuita e credenciada pelo Ministério da Educação (MEC), oferece conteúdos multimídia no site e por aplicativos de celular próprios para o Enem, inclusive simulados para a prova.

“A primeira dica é buscar clareza no seu objetivo. O Enem vai ter muito mais significado se entender por que é importante, o porquê dos cursos. É o passo inicial ainda que o estudante não saiba exatamente os cursos que deseja”, afirma Wolney Melo, diretor executivo do Geekie Games.

Melo indica que o aluno deve fazer simulados e não deixar os estudos para o final do ano, apenas a consolidação do conteúdo. “Bloqueie na agenda um horário bom para todos os dias, e tire duas horas para estudar. Dois assuntos por dia, com qualidade, você já consegue cobrir. Assim como o estudo, é importante que faça simulados, para que daqui a dois meses possa medir a evolução”, sugeriu.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho

Publicidade

Aggio Climatização