Siga
Grêmio derrota o Botafogo e está na semifinal da Libertadores

Esporte

Grêmio derrota o Botafogo e está na semifinal da Libertadores

No dia em que se comemora a Revolução Farroupilha, feriado em todo o Rio Grande do Sul, a metade azul do Estado está feliz. Nesta quarta-feira, o Grêmio derrotou o Botafogo por 1 a 0, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, pela partida de volta das quartas de final da Copa Libertadores, e está classificado às semifinais. O adversário será o Barcelona, de Guayaquil, do Equador, que eliminou o Santos em plena Vila Belmiro.

O gol da classificação foi marcado pelo atacante paraguaio Lucas Barrios, aos 17 minutos do segundo tempo. O Botafogo, em desvantagem, foi todo para a frente, mas mostrou muito nervosismo e não conseguiu o empate, que seria o necessário para obter a vaga.

Nas semifinais, que possivelmente acontecerão nos dias 25 de outubro e 1.º de novembro – as datas ainda serão confirmadas em breve pela Conmebol -, o primeiro jogo entre Grêmio e Barcelona-EQU será realizado na cidade equatoriana de Guayaquil. A volta será na Arena Grêmio, em Porto Alegre.

Em campo, o jogo começou da mesma maneira que foi disputada na semana passada no estádio do Engenhão, no Rio. Muito equilíbrio e forte marcação do meio de campo para trás nas duas equipes. O placar de 0 a 0 levaria a decisão da vaga para a disputa por pênaltis e, por isso, qualquer descuido poderia ser fatal.

As coisas começaram a mudar aos 21 minutos, quando o Grêmio teve uma ótima oportunidade com o atacante Fernandinho, que recebeu de Lucas Barrios e chutou no travessão da meta defendida pelo paraguaio Gatito Fernández. O Botafogo respondeu em seguida, aos 24, e mandou uma bola na trave esquerda de Marcelo Grohe em chute de Bruno Silva.

Para a segunda etapa, o Grêmio passou a jogar de modo mais incisivo no ataque e logo no primeiro minuto acertou outra vez a trave em uma cabeçada de Michel. Aos 17, foi recompensado com o gol. Em falta pelo lado direito, Edílson cobrou na segunda trave e Lucas Barrios subiu mais que João Paulo para marcar de cabeça. Os botafoguenses reclamaram de falta do paraguaio, mas o árbitro argentino Patricio Loustau confirmou o gol gremista.

A partir daí, o nervosismo tomou conta do Botafogo. O técnico Jair Ventura fez tudo o que podia para mandar o time para o ataque, mas pouco foi feito para obter o empate. E por pouco não sofreu o segundo gol como aos 28 minutos, quando Kannemann cabeceou para baixo e a bola bateu nas costas de Michel. Gatito Fernández conseguiu fazer uma bela defesa.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 1 x 0 BOTAFOGO

GRÊMIO – Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Arthur, Ramiro (Luan), Léo Moura (Everton) e Fernandinho; Lucas Barrios (Jailson). Técnico: Renato Gaúcho.

BOTAFOGO – Gatito Fernández, Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello e Victor Luis; Matheus Fernandes (Leo Valencia), Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e João Paulo (Brenner); Rodrigo Pimpão (Guilherme) e Roger. Técnico: Jair Ventura.

GOL – Lucas Barrios, aos 17 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Edílson, Cortez, Kannemann e Pedro Geromel (Grêmio); Guilherme, Roger, Rodrigo Lindoso, João Paulo e Igor Rabello (Botafogo).

ÁRBITRO – Patricio Loustau (Fifa/Argentina).

RENDA – R$ 2.341.147,00.

PÚBLICO – 47.584 pagantes (50.517 no total).

LOCAL – Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Fonte: Noticias ao Minuto

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho

Publicidade

Aggio Climatização