Siga
Grupo KES - Curso de Formação de Bombeiro Civil
Trump e Putin se encontram pela 1ª vez e trocam elogios no G20
© Carlos Barria / Reuters

Mundo

Trump e Putin se encontram pela 1ª vez e trocam elogios no G20

Mais cedo, Trump conversou rapidamente com a chanceler alemã, Angela Merkel, e a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May

Os presidentes Donald Trump, dos Estados Unidos, e Vladimir Putin, da Rússia, se reuniram pessoalmente pela primeira vez nesta sexta-feira (7). O encontro aconteceu durante a cúpula do G20 em Hamburgo, na Alemanha.Os líderes demonstraram otimismo após a conversa. Trump disse que estava “honrado”, e Putin afirmou que espera que o diálogo traga “bons resultados” para ambos os países.

“Nós discutimos várias coisas, e eu acho que tudo está indo muito bem”, disse Trump ao lado do secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson. Ele não deu mais detalhes sobre a conversa.

Putin, por sua vez, afirmou que as conversas por telefone “nunca são o suficiente”.

“As conversas bilaterais são importantes para termos boas relações”, disse Putin.Trump conversou também com o presidente mexicano, Enrique Peña Nieto.

Segundo o presidente dos EUA, houve progresso nas relações com o país vizinho.”Nós estamos negociando o Nafta e algumas outras coisas com o México”, disse Trump, que chamou Nieto de “amigo”.

LÍDERES

Mais cedo, Trump conversou rapidamente com a chanceler alemã, Angela Merkel, e a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May. Ele também cumprimentou o primeiro-ministro australiano, Malcolm Turnbull, além dos presidentes Emmanuel Macron, da França, e Putin.

Trump e Putin devem voltar a se reunir em separado nos bastidores da cúpula ainda nesta sexta (7) e neste sábado (8). O encontro dos líderes era um dos mais esperados.

Antes do primeiro encontro entre os presidentes, o porta-voz do Krelim, Dmitry Peskov, disse que Putin estava ansioso por uma conversa com Trump.

A reunião entre os líderes é realizada em meio a investigações do FBI (a polícia federal dos EUA) sobre o suposto elo assessores de Trump com autoridades russas durante as eleições norte-americanas em 2016.

Na ocasião, o vazamento de e-mails de servidores da direção do Partido Democrata levantou suspeitas de que o governo russo estaria tentando interferir eleição presidencial vencida por Trump.

Já nesta quinta (6), Trump afirmou que a Rússia deve abandonar seu “comportamento desestabilizador” e o apoio aos governos da Síria e do Irã.

PRESSÃO

Líderes aumentaram a pressão para que Trump faça concessões em relação ao clima e ao comércio durante o G20.

Em um comunicado conjunto emitido enquanto os líderes mundiais se reuniam em um vasto centro de convenções de Hamburgo, os países do Brics (grupo composto por Brasil, China, Rússia, Índia e África do Sul) divulgaram um comunicado oficial insistindo na importância de um mercado aberto e da implementação do Acordo de Paris para a mudança climática. Com informações da Folhapress.

comentários

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!


Deputado Jesuíno Boabaid

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Home Help Reparos e Soluções!

Publicidade

Aggio Climatização

Mais em Mundo