Siga

Polícia

Prisão dos suspeitos do caso Jéssica é prorrogada

Prisão dos suspeitos do caso Jéssica é prorrogadaO delegado Rodrigo Spiça, responsável pelas investigações do caso Jéssica Moreira Hernandes, de 17 anos, assassinada a facadas no município de Cerejeiras, pediu a prorrogação da prisão dos suspeitos Ismael Silva e Diego Parente, presos há quase um mês. A jovem foi esfaqueada pelo namorado após confessar traição em ‘jogo da fidelidade’.

A liberação dos suspeitos, que estava prevista para a quinta-feira (25), foi prorrogada por mais 30 dias, pois segundo o delegado, eles são os principais suspeitos do assassinato e se faz necessária a prorrogação da prisão preventiva até o término das investigações.

Jéssica desapareceu em 20 de abril e o seu corpo foi encontrado quatro dias depois, na Linha 4, Zona Rural de Cerejeiras. A Polícia Civil viu indícios de que Ismael, namorado da vítima, tinha participação no crime. Na época, foi preso também o primo de Ismael, Diego. Ambos tiveram a prisão temporária decretada. Diego confessou que participou de um teste de fidelidade a pedido do primo.

Fonte: Extra de Rondônia

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho

Publicidade

Aggio Climatização

Mais em Polícia