Siga

Política

OPINIÃO E POLÍTICA – Acostumados ao poder, Raupp e Cassol que se cuidem – Por João Paulo Prudêncio

João Paulo Prudêncio é jornalista, profissional da área de jornalismo eletrônico há dez anos, autor de matérias de grande repercussão e vencedor do Grande Prêmio de Jornalismo do Ministério Público do estado de Rondônia em 2014.

Fique de olho

A coluna Opinião e Política, escrita por João Paulo Prudêncio, será uma publicação diária da editoria de política do jornal eletrônico JH Notícias, trazendo aos seus leitores informações de bastidores, notícias e debate de fatos relevantes envolvendo ações de interesse público dentro do campo político e social.

O JH Notícias

Jornal com base estabelecida na cidade de Porto Velho, estado de Rondônia, o JH Notícias mantém uma média diária de audiência que o coloca dentro das cinco páginas de jornais eletrônicos mais acessadas do estado, com base no ranking do Google através da ferramenta Alexa, consolidando um número de mais de cem pessoas em tempo real dentro da página durante os horários comerciais, isso com pouco menos de um ano de fundação. Visando noticiar os fatos de nosso estado, mas abrindo seus horizontes geográficos e apresentando notícias de todo o mundo, o JH é um jornal que chega trazendo uma nova proposta de jornalismo eletrônico em Rondônia.

Ao assunto

Mas falando de sociedade e política, nada melhor que iniciar os trabalhos com uma obra que indica bem a competência dos últimos gestores da capital rondoniense, os malfadados viadutos da BR-364 e suas respectivas marginais. Com o contrato assinado no de 2008, época que o então prefeito Roberto Sobrinho (PT) gozava do prestígio político de sua legenda e de estreitas alianças com o governo federal, a obra se arrasta por nove anos, com uma quantia considerável de dinheiro público derramado, algo superior a cifra dos R$ 140 milhões e transtorno, muito transtorno para a comunidade portovelhense.

Agora vai

Porém, após cinco anos parado e passar de mão em mão, o Departamento Nacional de Infraestrutura – DNIT, achou por bem assumir o projeto e já disse que entrega os viadutos e suas marginais ainda esse ano, a previsão é ainda para esse mês de setembro.

Corrida

A sucessão à cadeira de governador do estado de Rondônia já é algo que vem permeando o sonho de muitos políticos, alguns nomes já estão bem conhecidos do eleitorado como Mariana Carvalho (PSDB), Daniel Pereira (PSB), Maurão de Carvalho (PMDB), Expedito Júnior (PSDB), Pimenta de Rondônia (PSOL) e Jaqueline Cassol (PP), todos nomes que no último pleito majoritário mostraram força eleitoral.

Novidades

Ainda não se ouve falar de novos nomes à disputa desse cargo, candidatos outsiders, porém é provável que algum partido queira provar a teoria “Hildon Chaves” e lançar um nome desconhecido na política local, fato que bem trabalhado poderia surpreender no pleito.

Senado

Já para as duas cadeiras disponíveis para Rondônia no Senado, a situação é complexa, envolvidos em denuncias judiciais de corrupção e citados amplamente durante o levantamento de informações da operação Lava-Jato, Valdir Raupp (PMDB) e Ivo Cassol (PP), virão ao pleito contando com sua base defronte à um eleitorado enraivecido.

Corda no pescoço

A situação mais complicada é de Valdir Raupp, recentemente apontado pelo chefe do Ministério Público Federal – MPF, Rodrigo Janot, de integrar um quadrilha formada por lideranças do PMDB que lesaram em mais de R$ 5 bilhões os cofres públicos. A denuncia caiu como uma bomba para Raupp, que ainda comemorava o pedido de retirada de seu nome pela Polícia Federal em um outro processo de corrupção. Perdido, Raupp está vendo seus principais aliados no Senado cercados, nem mesmo a estreita relação com o presidente Michel Temer (PMDB) ajudará, uma vez que Temer utiliza todos os recursos que possui para se manter no cargo, sem energias para salvar aliados.

Cogitado

Uma coisa é certa, as eleições para o Senado em Rondônia nunca parecem seguir um rumo certo, vez ou outra sempre um candidato fora dos grandes grupos políticos aparece e consegue somar uma considerável quantidade de votos, foi o caso do professor Marcos Sussuarana, Silvana Davis e Agnaldo Muniz.

Pode ser

Agora um possível nome é do policial federal João Bosco (PSDC), o “Bosco da Federal”, representante da categoria no estado, Bosco da Federal já passou pela cadeira de vereador, e chefias de órgãos de segurança pública no estado. Em uma época onde a Polícia Federal está se tornando o maior herói da nação brasileiro, um categoria no Senado por Rondônia, não seria nada incomum de acontecer. Resta saber se Bosco assumirá o desafio e principalmente, se terá apoio de sua base partidária.

Enquanto isso

O ex-deputado estadual Marcos Donadon, segue para a cadeia após um longo tempo de sua vida vivendo como foragido da justiça por crimes contra o erário. Porém, os escândalos políticos envolvendo a família Donadon não parece ser problema para seus eleitores, que mesmo em meio à um turbilhão condenações, colocaram o sobrenome Donadon na Assembleia Legislativa e frente da prefeitura de Vilhena. A matemática é simples, o numero de pessoas indignadas pela internet é bem menor que a quantidade de eleitores satisfeitos, principalmente no Cone Sul do estado, perpetuando a máxima, “rouba mas faz”.

Relevância

O Hospital do Câncer já está atendendo em Porto Velho desde o dia 01 de agosto. O Hospital do Câncer da Amazônia fica localizado na BR-364.

Para atendimento

As pessoas que precisam de atendimento no hospital podem enviar e-mail para triagem@hcbportovelho.com as cópias do RG, CPF, Cartão do SUS, comprovante de residência, do resultado da biópsia comprovando diagnóstico de câncer e encaminhamento médico, documentos necessários para a triagem, além do telefone para contato. Para mais informações, o hospital disponibiliza o telefone (69) 3301-3500.

A Coluna

João Paulo Prudêncio é jornalista, profissional da área de jornalismo eletrônico há dez anos, autor de matérias de grande repercussão e vencedor do Grande Prêmio de Jornalismo do Ministério Público do estado de Rondônia em 2014. Informações e sugestões de pauta através dos telefones (69) 99230-0591 ou (68) 99217-1709.

Fonte: JH Notícias

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Mega Frio Climatização

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho