Siga
Grupo KES - Curso de Formação de Bombeiro Civil
Abertas as inscrições para o selo Unicef para os municípios da Amazônia Legal
Vice-governador recebe a representante da Unicef, Eliana Almeida (1ª à direita). Foto: Daiane Mendonça

Rondônia

Abertas as inscrições para o selo Unicef para os municípios da Amazônia Legal

Com apoio do governo estadual, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) abriu inscrições para o Selo Unicef Edição 2017 para os municípios da Amazônia Legal e do Semiárido.

Em seu gabinete, o vice-governador Daniel Pereira recebeu hoje (8) a visita da responsável pela atuação da Unicef no Acre, Amazonas, Rondônia e Maranhão, Eliana Almeida.

“Viemos manifestar gratidão pela mobilização dos municípios e reafirmar parcerias, sempre em busca dos melhores indicadores”, disse Eliana.

Daniel Pereira comprometeu-se ao fortalecimento dos conselhos municipais para a obtenção de recursos do Fundo da Infância e Adolescência (FIA) e do Tesouro Estadual. Em Rondônia, 18 municípios foram premiados nesta edição do selo. Outros 34 se despertaram para fazer mais pelos cidadãos.

Entre outras medidas, o governo estadual pretende levar o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) a 100% das escolas, em todos os municípios rondonienses, informou Daniel à representante da Unicef.

“Avançamos em alguns aspectos, temos que comemorá-los, mas ainda precisamos trabalhar muito para multiplicar o apoio a crianças e jovens”, ele reconheceu.

O prazo de inscrições terminará no dia 31 de julho. Secretarias Estaduais de Saúde, Educação e Assistência Social assinam o termo de compromisso com presidentes de Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Há dez anos, o Selo Unicef contribui para o fortalecimento da gestão municipal no cumprimento do seu papel institucional, promove a mobilização social, incentiva o monitoramento de indicadores sociais relacionados à infância e à adolescência, para melhorá-los.

“Queremos apoiar o município com estratégias específicas de inclusão, e o Estado de Rondônia é muito importante no cumprimento dessa meta. Municípios que participam e não alcançam a certificação, mesmo assim, melhoram a vida de crianças e adolescentes mais do que a média dos demais municípios do País”, comentou Eliana.

A secretária adjunta da Assistência e do Desenvolvimento Social, Vilma Alves, apelou a prefeitos, políticos e demais autoridades municipais: “Abracem o projeto, e certamente colherão bons resultados na redução da exploração do trabalho infantil, mortalidade e assassinatos”.

Fonte: Secom

comentários

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Home Help Reparos e Soluções!

Publicidade

Aggio Climatização

Mais em Rondônia