Siga
Grupo KES - Curso de Formação de Bombeiro Civil
Decreto de governador institui Delegacia de “Homicídios” em Ji-Paraná e Vilhena
Foto: Ilustrativa

Rondônia

Decreto de governador institui Delegacia de “Homicídios” em Ji-Paraná e Vilhena

O vice-governador do Estado de Rondônia, no exercício do cargo de Governador, Daniel Pereira, decretou na semana passada a criação da Delegacia Especializada na Repressão de Crimes Contra a Vida (DERCCV), popularmente conhecida como Delegacia de “Homicídios” para as cidades de Ji-Paraná e Vilhena.

Daniel Pereira atendeu um pedido da Direção-Geral da Polícia Civil que verificou a necessidade de se instituí as Delegacias Especializadas para combater crimes contra a vida nas regiões citadas acima.

De acordo com o Delegado-Geral Adjunto da Polícia Civil, Antônio Carlos dos Reis, o decreto possibilita que a Polícia Civil inicie o trabalho de estruturação da Delegacia Especializada e passe a atender no combate a esta modalidade de crime de forma mais eficaz. “Já realizamos o trabalho de combate aos crimes contra a vida nestas regiões, porém, com a instituição da Delegacia Especializada, a Polícia Civil terá mais autonomia para tratar dos casos neste segmento e assim, garantir uma resposta mais rápida à sociedade”, explica o Delegado.

Publicidade

Academia do Importador

O Decreto nº 21.757 e 21.758, de 28 de Março de 2017 cria a Delegacia Especializada na Repressão de Crimes Contra a Vida (DERCCV), nas cidades de Ji-Paraná e Vilhena sucessivamente e ambas, serão coordenadas pela Delegacia Regional de sua cidade, assim como, pelo Departamento de Polícia do Interior (DPI) da Polícia Civil.

Para o Delegado da Polícia Civil e Diretor do DPI, Arismar Araújo, o objetivo de instituir as Delegacias especializadas nas referidas cidades é garantir mais agilidade e eficiência no combate desta prática criminosa. “Estatisticamente observamos que nas regionais que possuem a Delegacia Especializada de Crimes Contra a Vida temos cerca de 65% dos casos elucidados, percentuais elevados se comparado as regiões que não possuem a Especializada que registram aproximadamente 40% de elucidação, por isso, vamos redistribuir todas as ocorrências relativas aos crimes contra a vida para a Delegacia Especialidade nas cidades citadas e esta atuará especificamente nestes crimes proporcionando em curto espaço de tempo a elucidação dos casos registrados nestas localidades”, finaliza o Delegado.

Fonte: Extra de Rondônia.

comentários

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Home Help Reparos e Soluções!

Publicidade

Aggio Climatização

Mais em Rondônia