Siga
Grupo KES - Curso de Formação de Bombeiro Civil
Policiais do Núcleo de Operações Aéreas participam de ações em apoio ao ICMBio
Força Tarefa localiza maquinários utilizados no desmatamento ilegal. Foto: Sesdec

Rondônia

Policiais do Núcleo de Operações Aéreas participam de ações em apoio ao ICMBio

O Núcleo de Operações Aéreas (NOA) da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec) em operação conjunta em apoio ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), empregou o seu efetivo e o helicóptero Falcão 02 (AS 350 B2), pela segunda vez, em mais uma missão preventiva e repressiva de combate a crimes ambientais no Parque Nacional dos Pacaas Novos e Reserva indígena Uru-Eu-Wau–Wau.

Em ambas as operações, as ações contaram com o apoio da Companhia de Operações Especiais (COE), Batalhão da Polícia Ambiental e 1º batalhão da Polícia Militar, além da Polícia Federal, Ibama e Funai.

As reservas estão localizadas nos municípios de Monte Negro e Campo Novo de Rondônia, onde estavam sendo alvo de madeireiros cometendo crimes ambientais. O voo de patrulhamento e fiscalização ambiental na região contribuiu para que fossem localizados e destruídos pela equipe de solo da Força Tarefa, maquinários utilizados no desmatamento ilegal, foram localizados também vários barracos utilizados pelos criminosos, além de vários pontos com madeiras cortadas e prontas para serem retiradas da reserva.

O Parque Nacional de Pacaás Novos é uma das mais importantes unidades de conservação da região. Abriga, nos seus 764.801 hectares, importante fauna e flora, além de patrimônio cultural indígena.

LEIA TAMBÉM:

RONDÔNIA RURAL SHOW – Sistema de irrigação móvel é apresentado pela primeira vez

Nova lei do Fundo Penitenciário de Rondônia traz melhorias para agentes e apenados do estado

Animais ganham núcleo de proteção na Delegacia de Crimes Ambientais em Rondônia

Policiais do Núcleo de Operações Aéreas participam de ações em apoio ao ICMBio

Barracos utilizados pelos criminosos. Foto: Sesdec

Segundo o major PM Carlos Lopes Silva, comandante do NOA, a operação com uso de helicóptero, além de facilitar a visualização dos ilícitos, agiliza a abordagem e possíveis autuações, haja vista a facilidade de pouso deste tipo de aeronave.

“Com a ampliação da área de patrulhamento, os órgãos de fiscalização pretendem identificar, em menos tempo, as áreas de desmatamento e garimpos ilegais”, destacou o Maj PM Lopes.

O NOA realizou somente no ano de 2017, cerca de 167 horas de voo, com o Helicóptero Falcão 02, nos mais diversos tipos de operações, com ênfase em apoio em ocorrências policiais, reintegração de posse, fiscalização ambiental e resgate, atuando também em missões no interior do Estado e em Apoio a Órgãos, Federal e Estadual. O NOA tem se tornado referência em suas ações, pois possui um Programa de Qualificação periódico de seus integrantes, operando a cerca de 7 anos sem qualquer tipo de incidente ou acidente aeronáuticos, a equipe integrada do NOA tem mostrado um alto grau de profissionalismo, sendo a equipe formada por Pilotos, Tripulantes Operacionais Multimissão, Mecânicos e Apoio de Solo, oriundos da Polícia Militar e Polícia Civil.

Fonte: Secom. Texto: Márcia Martins 

comentários

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!


Deputado Jesuíno Boabaid

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Home Help Reparos e Soluções!

Publicidade

Aggio Climatização

Mais em Rondônia