Siga

Cidade

Festival de praia ajudará resgatar o turismo, diz dr. Hildon Chaves

Comércio de bebidas será exclusividade dos moradores locais, que serão capacitados

A prefeitura de Porto Velho realizará nos dias 1º e 2 de setembro, o Festival de Praia de Fortaleza do Abunã, que deverá reunir em torno de 10 mil turistas de Rondônia e Acre, conforme previsão dos organizadores do evento, que está sendo retomado após quatro anos de paralisação. O lançamento do Festival foi feito na manhã desta terça-feira (15), no palácio Tancredo Neves, pelo prefeito dr Hildon Chaves, que reforçou como meta tornar o setor num dos mais consolidados de seu governo.

Realização da Funcultural (Fundação Cultural de Porto Velho) e da Semdestur (Subsecretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho), o festival, original e forte atração turística, contará com atividades esportivas, comércio de comidas e bebidas típicas regionais, além de apresentações de grupos de forró e Djs.

Na avaliação de dr Hildon, “o festival será um resgate e um estímulo à população local a conhecer suas histórias e tradições, e o turismo é um dos caminhos que contribuem para isso. Vamos elevar a economia, a autoestima e o sentimento de pertencimento da comunidade”, discursou.

Para o subsecretário Júlio César Siqueira (Turismo), “a prefeitura está retomando, depois de pouco mais de quatro anos esse importante ativo turístico e econômico de Fortaleza do Abunã, que deve atrair próximo de 10 mil pessoas tanto de Porto Velho quanto de Rio Branco”.

Júlio lembra que os comerciantes locais serão capacitados para receber os turistas e receberão o certificado durante o evento. “Além de importante item turístico e econômico, o festival agora tem a participação ativa da comunidade na sua organização. Sem contar que a comercialização de comidas e bebidas será feita apenas pelos moradores locais, ficando todo o capital gerado ali mesmo”, acrescentou o presidente da Funcultural, Antônio Ocampo.

Ocampo diz que “não adianta gente de fora levar bebida para vender lá porque isso será exclusividade dos comerciantes de Fortaleza do Abunã, uma forma razoável de fomentar e aquecer mesmo que temporariamente o comércio local”.

“Porto Velho dispõe de grandes potenciais turísticos que podem ajudar em seu desenvolvimento socioeconômico sustentável, a exemplo do turismo de pesca, vocação do município, o que pode ser explorado para ajudar a ‘vender’ Porto Velho para turistas”, afirmou dr Hildon.

PRÉDIO DO RELÓGIO

O prefeito falou também de outras frentes para o resgate histórico e turístico da cidade, a exemplo do Prédio do Relógio, construído em forma de locomotiva para servir de sede administrativa da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, onde, dentro de alguns meses, funcionará seu gabinete.

“Para a sede atual da prefeitura irá uma secretaria que paga aluguel”, explicou ele, acrescentando estar também em andamento as tratativas para construção do shopping popular que abrigará camelôs, dentre outras ações.

Presentes à solenidade de lançamento do festival estiveram donos de pousadas de Fortaleza do Abunã, o administrador Francisco Neves de Oliveira, os vereadores Aleks Palitot e Joelma Holder, dentre outros convidados.

Fonte: Comdecom

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Mega Frio Climatização

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade

O tal do Espetinho