Siga

Mais em Brasil

PF investiga servidor que compartilhou fotos eróticas com armas

Brasil

PF investiga servidor que compartilhou fotos eróticas com armas

As imagens foram compartilhadas em um grupo de WhatsApp

A Superintendência da Polícia Federal no Ceará instaurou uma sindicância para apurar se um servidor praticou infração disciplinar ao compartilhar fotos em que “mulheres aparecem em posições eróticas com paramentos e objetos alusivos à Polícia Federal, inclusive segurando o que possivelmente seria uma arma de fogo”.

De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, as imagens foram postadas em um grupo de WhatsApp.

Uma sindicância é aberta quando algo não configura crime, mas sim uma transgressão ou desvio de conduta.

Fonte: G1
Advertisement

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Mil Contabilidade

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade