Siga

Mais em Esporte

Esporte

Jogador do Barcelona dá chute em atleta do Real Ariquemes – VÍDEO

              

Passava dos 15 min do segundo tempo, do jogo entre: Barcelona e Real Ariquemes, o placar estava em 1 a 1. Placar esse construído aos 33 min do primeiro com Callado (Barça) e Valtinho empatou aos 5 min do segundo tempo.

Jogo truncado, desde o momento em que a bola rolou. Arbitragem andou se perdendo no início do jogo, sem aplicação de cartões. Enfim, sem coibir futuras confusões.

Nesse momento do jogo, houve um estouro entre os dois protagonistas: Júnior Gaúcho (Barça) e Wagner Júnior (Real), este último já havia sido expulso quando veio reclamar do árbitro Servilio Patrício, foi quando o Júnior Gaúcho chegou perto e deu um pisao na altura do pé esquerdo do atleta do Real.

Expulsos, portanto os dois. O jogo ficou paralisado por cerca de 8 min em virtude da ambulância ter se deslocado até o hospital para atendimento do atleta do Real.

Ao reiniciar o jogo por volta dos 25 min e com os acréscimos, o Barça fez o segundo gol através de Bertozzi aos 45 min. Placar final 2 a 1 Barcelona.

O clube emitiu uma nota de repúdio sobre o ocorrido.

O Real Desportivo Ariquemes, clube de futebol, vem de público REPUDIAR e PROTESTAR contra o lamentável episódio ocorrido na noite de ontem (16) em Vilhena no Jogo Barcelona x Real pelo campeonato Estadual Rondoniense 2018. No fato, o Jogador Eroni Junior (Junior Gaúcho) após ser expulso junto ao jogador Vagner Junior do Real, agrediu nosso jogador de forma covarde, cruel e traiçoeira, causando danos ao jogador que de imediato foi encaminhado ao Hospital Municipal de Vilhena para exames médicos e posteriormente encaminhado para a Delegacia de Polícia para registro de ocorrência.

No mesmo episódio, os maqueiros da partida se negaram a prestar atendimento ao atleta que foi levado para a ambulância nos braços da comissão técnica do furacão do Vale do Jamari. Como se não bastasse, após o término da partida onde todos os jogadores estavam apreensivos com o ocorrido, um funcionário do clube visitado abriu o portão que dava acesso ao vestiário dos jogadores do Real para invasão de alguns torcedores que de maneira agressiva, investiram contra os mesmos.

Serve o presente instrumento, ainda, para NOTIFICAR o clube visitante, Federação e comissão de Arbitragem do evento para que tome medidas cabíveis a fins de que atos antidesportivos e agressivos como este não volte a acontecer com atletas profissionais de futebol dos clubes de Rondônia.

Fonte: Assessoria

              

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

SINPEF-RO - Sindicato dos Policiais Federais do Estado de Rondônia

Publicidade

Sinsepol - Sindicato dos Servidores da Polícia Civil de Rondônia.

Publicidade

Associação Beneficente Zequinha Araújo

Publicidade

Samremo Pizzaria

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Mil Contabilidade

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Advertisement