Notícias de Política

Personalidades que contribuem com o enfrentamento a violência contra a mulher são homenageadas na ALE

Postado em 11/12/2018 às 13h09min


Personalidades que contribuem com o enfrentamento a violência contra a mulher são homenageadas na ALE

O deputado Lazinho da Fetagro (PT) foi o proponente da Sessão Solene realizada na Assembleia Legislativa, em homenagem as mulheres que contribuíram, na última década, para o enfrentamento a Violência contra a Mulher e a efetivação dos Direitos Humanos em Rondônia.

O parlamentar deu boas vindas e agradeceu a todos e disse ser uma honra poder prestar o reconhecimento às mulheres, companheiras de lutas e muita garra, unidas antes mesmo da Lei Maria da Pena. O deputado ressaltou que a solenidade é um momento de suma importância, “pois a sociedade precisa ver o quanto é fundamentar lutar por seus direitos”.

A feminista e historiadora, Risolene Maria e Souza fez a leitura de um texto sobre a luta da classe feminina pelos direitos das mulheres e o início dos movimentos de enfrentamento a violência.

A assessora do deputado Lazinho da Fetagro, Vera Regina, resgatou a trajetória do Movimento de Mulheres em Rondônia, desde sua criação, em 1995, ao apresentar em slide, fotos de várias atividades e eventos.

Ela destacou as ações e projetos do movimento, entre os quais a implantação do Conselho Municipal e a criação da Casa Amparo, primeiro local de atendimento e abrigo a mulheres vítimas de violência, a formação da Rede de Atendimento à Mulher e idealização da Campanha 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher.

A promotora pública da 14ª Promotoria de Violência contra a Mulher do Ministério Público, Tânia Santiago, parabenizou o deputado Lazinho pela iniciativa e disse que a Assembleia sempre tem proporcionado momentos riquíssimos para o movimento em favor dos direitos da mulher. Ela falou de empoderamento e disse ser necessária a renovação das alianças e compromissos da Rede para o ano de 2019.

“Que essa temática ocupe um lugar estratégico na sociedade, a cada dia mais. Agradeço o compromisso de todas e aos poucos homens que se levantam para lutar junto conosco e nos ajudam a construir soluções para a proteção da mulher”, disse.

Hérverton de Aguiar, promotor da 14ª Promotoria de Violência contra a Mulher do Ministério Público, parabenizou o deputado Lazinho em propor a solenidade e disse ser uma excelente atitude em favor do ativismo em defesa da mulher. Aguiar citou números e informou que Rondônia é o quarto Estado mais violento do país e o terceiro da Federação em números de estupro.

O promotor se dirigiu ao deputado Lazinho e pediu apoio do parlamentar para que haja mais comprometimento dos representantes do povo no enfrentamento a violência contra as mulheres, para que Rondônia deixe de fazer parte de um ranking tão triste e violento.

“Parabéns a todas essas mulheres corajosas e aguerridas, por enfrentarem com tanto destemor essa guerra cotidiana. Nós homens, devemos nos sentir comprometidos com esse problema. E em nome de todos os homens, eu peço desculpas a vocês, por tanta violência contra as mulheres”, declarou Hérverton de Aguiar.

A coordenadora e representante da Rede Lilás, Rosimar Francelino, agradeceu e parabenizou Lazinho da Fetagro e explicou que a Rede é a união de pessoas e instituições, que se articulam para proteger os direitos da mulher e trabalhar o enfrentamento a violência contra a mulher em Rondônia.

Eva Viviane Cecanho (uma das criadoras da ONG) contou sobre o a criação do coletivo ‘Filhas do Boto Nunca Mais’, em 2002, e que hoje já se tornou uma Organização Não Governamental (ONG). Ela explicou a relação do nome da ONG, com os casos de abusos sexuais sofridos por mulheres em localidades ribeirinhas. Ela informou que o trabalho da ONG é levar a mensagem de que a mulher que está inserida em um círculo de violência, não está sozinha.

O deputado estadual eleito, Eyder Brasil (PSL), agradeceu o convite para participar da solenidade e ressaltou que tem “a chama de trabalhar em defesa das mulheres” e que isso nasceu da vivência e experiência familiar em que foi criado e educado. Brasil falou da importância do trabalho em conjunto entre o Judiciário e o Legislativo, para a criação de mecanismos que sejam realmente efetivos e assim, garantir mais segurança para as mulheres.

Ao encerrar a solenidade, Lazinho da Fetagro prestou homenagem à mãe, já falecida, e destacou que, enquanto Casa de Leis, a sua iniciativa em relação às homenagens, ainda é muito pouco. O parlamentar informou que seu mandato está à disposição de todo o movimento e parabenizou todas as homenageadas.

Segundo o deputado, o trabalho e empenho das mulheres homenageadas, impulsionaram o desenvolvimento e a implantação de várias ações, projetos e políticas públicas, que garantiram, além do acesso e da visibilidade, uma vida sem violência para as mulheres.

Lazinho entregou comendas para Walkyria Vieira Boaventura Manfroi, Edna Mara Souza, Ida Perea Monteiro, Benedita Nascimento Pereira, Mara Valverde, Irisvone Luiz Magalhães, Izabel Soares Lopes Oliveira, Rosenilda Ferreira de Souza Silva, Marivane dos Reis da Silva e Silvana Mota Davis (in memoriam).

O parlamentar ainda entregou Voto de Louvor a sargento PM Roseneide da Costa Lopes e Hala Cristina Vieira de Lima. Após os pronunciamentos de algumas homenageadas, o deputado agradeceu novamente os participantes e encerrou a Sessão Solene.

ALE/RO – DECOM – Juliana Mrtins

Fotos: Ana Célia

Por Assessoria