Siga

Mais em Rondônia

Imagem Arquivo

Rondônia

Estado reforça pedido de liminar contra greve de agentes penitenciários

Com um pedido de liminar ainda sem análise pelo desembargador Roosevelt Queiroz, da 2ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça de Rondônia, a Procuradoria Geral do Estado reforçou a necessidade de deferimento de forma urgente em razão da possível paralisação, prevista para começar nesta quinta-feira.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários (Singeperon) tenta ganhar tempo mesmo com a vedação, determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), de greve em setores da Segurança Pública.

No pedido para a proibição de greve, o procurador-geral do Estado, Juraci Jorge da Silva requereu multa diária de R$100.000, multa pessoal aos membros do sindicato e servidores que aderirem ao movimento paredista, no valor diário de R$ 5.000, além de alerta “expresso acerca da configuração do crime de desobediência para o caso de descumprimento deliberado da decisão.”.

No novo pedido, realizado na manhã desta quarta-feira, o Estado diz que não há tempo de audiência de conciliação proposta pelo Singeperon, uma vez que a greve será iniciada nas próximas horas.

Fonte: Rondoniagora
Advertisement

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Mil Contabilidade

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade