Notícias de Rondônia

SOFRIMENTO – No Cosme e Damião, crianças esperam mais de sete horas para serem atendidas

“Eu fico aqui, sem comida e sem a menor estrutura de esperar tanto tempo assim, o sofrimento é grande”, afirmou o pai.


Postado em 12/06/2018 às 13h39min

SOFRIMENTO – No Cosme e Damião, crianças esperam mais de sete horas para serem atendidas

O aparente caos estabelecido no sistema de saúde do município de Porto Velho parece ter se estendido á esfera do poder executivo no estado de Rondônia.

Nesta última segunda-feira (11), dezenas de crianças e seus responsáveis, tiveram de esperar por mais de sete horas para receberem atendimento no hospital infantil Cosme e Damião, anexo ao complexo do Hospital de Base.

Como o sistema público de saúde dentro do estado ainda é ineficiente para atender as demandas locais, o hospital infantil Cosme e Damião recebe crianças enfermas de todas as regiões de Rondônia.

De acordo com uma mãe moradora do distrito de Triunfo, sua filha havia chegado meio dia e estava há sete horas esperando atendimento, chorando, ela clamou pela intervenção das autoridades no local.

Em outro caso, um pai que veio da cidade de Jaru, estava com a filha ao relento, pois a van que o levaria para casa apenas poderia sair quando todos que iriam viajar nela fossem atendidos.

“Eu fico aqui, sem comida e sem a menor estrutura de esperar tanto tempo assim, o sofrimento é grande”, afirmou o pai.

Já outra mãe que se mostrou indignada, afirmou que a superlotação se dá pela incompetência do município em atender pacientes de baixa complexidade nas UPA’s. O drama durou até o início da madrugada desta terça-feira (12).

O repórter William Ferreira foi até o local e registrou os fatos através de sua página no Facebook. Confira:

Fonte: JH Notícias



MAIS NOTÍCIAS DE Rondônia