Search
Close this search box.
Publicidade

DOR DE COTOVELO – Jornalista é agredido por bando em boate de Porto Velho

Cenas lamentáveis e covardes foram presenciadas por pessoas que estavam em uma movimentada boate na capital, no último fim de semana.
Publicidade

A briga que começou aparentemente sem um motivo, chamou atenção porque um bando composto por quatro pessoas, agrediram covardemente um jornalista, que estava acompanhado uma uma mulher,  em uma boate, localizada na região Norte da capital.

Em contato com o jornalista e testemunhas próximas, o motivo do ataque foi por ciúmes do suposto ex-namorado de uma pessoa a qual, o jornalista, teve um relacionamento há pouco tempo. “Acho que ele não aceitou muito bem o término com a sua ex-namorada que eu tive um relacionamento pouco tempo depois. Mas hoje nem nos falamos mais”, disse a vítima.

Publicidade

Ainda de acordo com o comunicador, só foi possível conter o ataque após a intervenção do seu amigo que presenciou de perto o momento. “Felizmente meu amigo pode intervir na situação, do contrário, certamente eu não estaria nem aqui para contar essa história”, ressaltou o jornalista.

Pela manhã de domingo, a Polícia Civil tomou conhecimento e foi registrado um boletim de ocorrência contra os agressores. O jornalista disse que não se deixará intimidar por qualquer tentativa de assédio ou agressão. “Eles irão responder na justiça o que fizeram. Foram homens para me bater enquanto eu estava sozinho, então serão homens para responder pelos seus atos”, finalizou a vítima.

Combate Clean Anúncie no JH Notícias