Search
Close this search box.
Publicidade
EcoRondônia

Sargento da PM é preso em operação da Polícia Civil, acusado de mandar matar comprador de gado Rondônia

Polícia Civil deflagra operação e prende mais dois envolvidos no crime
Publicidade

Na manhã desta quarta-feira, 24, a Polícia Civil do Estado de Rondônia, por intermédio da 1ª Delegacia de Polícia de Monte Negro, deflagrou a terceira fase da operação “Erga Omnes” na região do Vale do Jamari.

A ação policial é fruto das investigações que apuram a morte/execução do comprador de gado Cícero Quirino da Silva, popularmente conhecido como “Tito”, ocorrido no dia 19/01/2022 na cidade de Monte Negro.

Publicidade

O inquérito policial está sendo presidido pelo delegado João Gustavo, titular da 1ª DP de Monte Negro. A peça pré-processual apontou o envolvimento de mais duas pessoas na ação criminosa, quatro no total.

Diante das informações, a autoridade policial representou por três mandados de buscas e apreensão dois mandados de prisão preventiva, que foram deferidos pelo Poder Judiciário.

A ação resultou na prisão de três pessoas: O suspeito de ser o mandante do crime, um sargento da Polícia Militar e um terceiro flagranteado com uma espingarda (por ocasião do cumprimento de mandado de busca).

A operação é desdobramento de uma investigação que já teve outras fases: a primeira ocorreu dia 22/02/2022 e, na ocasião um policial penal foi preso suspeito de ter planejado todo o crime.

A segunda fase ocorreu dia 15/04/2022. Naquela ocasião o motorista da moto, onde estava o atirador foi o alvo das investigações e acabou sendo preso, posteriormente.

Nessa terceira fase da operação Erga Omnes, a Polícia Civil entrega a sociedade do Vale do Jamari a resposta que a Justiça é cega e seus efeitos valerão para todos.

Anúncie no JH Notícias