Search
Close this search box.
Publicidade

Dentista morre baleado pela PM após tentar matar a mulher e a enteada

A polícia foi acionada após vizinhos ouvirem disparos de arma de fogo vindos de dentro da residência do casal, em Belo Horizonte
Publicidade

Um dentista, de 55 anos, foi morto na noite dessa quinta-feira (11/8) durante um confronto com a Polícia Militar após manter a companheira e enteada como reféns em uma casa do bairro Santa Cruz, na região nordeste de Belo Horizonte, em Minas Gerais. A corporação foi acionada após vizinhos ouvirem disparos de arma de fogo dentro da residência.

Ao chegarem no local, os policiais ouviram gritos de socorro e, pela casa de um dos vizinhos, avistaram o autor, Fernando Mares, com uma arma em mãos. A enteada do homem, de 24 anos, abriu o portão para os agentes, momento em que o agressor se trancou em um dos quartos com a jovem e a mãe dela, de 54 anos.

Publicidade
Anúncie no JH Notícias