Siga nossas redes sociais

Sábado, 28/05/2022

JH Notícias

Coronavírus - COVID-19 - Governo do Estado de Rondônia

Esporte

Tite cobra seleção disciplinada contra expulsões desnecessárias: ‘Isso me fere’

Para evitar sufoco de ter de jogar com um a menos, o treinador quer que seus jogadores sejam mais disciplinados e precavidos diante do pressionado Paraguai, terça-feira, às 21h30, no Mineirão

WhatsApp

Tite absorveu Emerson Royal de culpa no lance da expulsão diante do Equador. Mas ficou muito sentido por ter de sacrificar Philippe Coutinho. Para evitar sufoco de ter de jogar com um a menos, o treinador quer que seus jogadores sejam mais disciplinados e precavidos diante do pressionado Paraguai, terça-feira, às 21h30, no Mineirão.

A expulsão de Emerson foi somente a terceira da seleção sob o comando de Tite. Mesmo assim ele lamentou bastante. Uma das regras do treinador na equipe é jogar com lealdade. Ele sabe que perder um atleta em jogo importante, como a Copa do Mundo que está por vir pode custar muito caro e vem batendo na tecla para que seis defensores tenham mais calma na hora dos combates.

“Temos muito orgulho do nosso trabalho, onde muito poucos atletas são expulsos. O aspecto disciplinar é muito, muito, cobrado, orientado e determinado na seleção brasileira”, afirma o treinador. “Eu não gosto de ter atletas expulsos, isso me fere enquanto técnico e como ser humano. A circunstância (no lance de Emerson) não foi de maldade, foi de impetuosidade. Foi errado? Precisa maturidade? Sim.” Tite quer jogos com “contatos legais.”

Apesar de estar em ritmo de treino após a classificação antecipada e sem o astro Neymar, a estreia da seleção em solo nacional será com bom público. Até esta quinta-feira, já haviam sido comercializados 30 mil ingressos.

Além de apoio ao time, o técnico Tite deve sofrer com a cobrança dos torcedores do Atlético-MG que cobram a convocação de Hulk para a seleção brasileira. O técnico já explicou que o atacante e Guilherme Arana ficaram ausentes para terem férias.

Banner publicitário da Assembleia Legislativa

Para retomar o trilho das vitórias após empates contra Argentina e Equador, Tite vai usar a falha da pontaria contra o Equador, no qual o time fez só um gol em 13 tentativas, para cobrar mais efetividade. “O que fico lastimando é isso: precisa ter desempenho, números bons, mas traduzir e vencer. Precisamos traduzir as boas apresentações em gols e vitórias.”

Ações do Governo de Rondônia

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por Estadão Conteúdo

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Publicidade Ações do Governo de Rondônia
Publicidade

Publicidade Ações do Governo de Rondônia
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais em Esporte