Siga nossas redes sociais

Quinta-feira, 30/06/2022

JH Notícias

Ações do Governo de Rondônia

Justiça

Justiça determina prisão de empresário que atirou e matou jovem durante ‘cavalo de pau’, em RO

Em depoimento, suspeito disse ter efetuado disparos porque pensou que sua propriedade seria invadida.

WhatsApp

A Justiça de Rondônia determinou a prisão do empresário que atirou e matou a jovem Camila Barros Dias, de 20 anos, em Ji-Paraná (RO). A vítima foi baleada enquanto estava dentro de uma caminhonete com amigos, que faziam ‘cavalo de pau’ em um depósito de areia do município.

Empresário atira em carro que fazia “cavalo de pau” e mata jovem de 20 anos

O empresário já estava preso em flagrante desde a quarta-feira (26), após confirmar na delegacia que tinha atirado contra o veículo onde estava Camila porque teria se assustado com a presença dos jovens na propriedade dele e pensou ser uma possível invasão.

A perícia constatou que a caminhonete foi atingida por sete disparos e um deles acertou o tórax de Camila, que chegou a ser socorrida para uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo relatou o empresário em depoimento, o carro onde estava os jovens fazia uma manobra chamada ‘cavalo de pau’, quando o veículo gira em torno de seu eixo dianteiro.

A Polícia Civil já descobriu que o condutor do veículo era amigo de Camila. O motorista dirigia uma caminhonete Ford Ranger do próprio avô, sem que o dono tivesse conhecimento.

Para o delegado responsável pelo caso, Luiz Carlos Hora, como o suspeito possui certa perícia no manuseio de armas, ao atirar contra o carro, ele assumiu o risco do que poderia acontecer. Foi por esse motivo que a polícia pediu pela prisão preventiva do empresário, que vai seguir preso na Unidade Prisional de Ji-Paraná.

Ações do Governo de Rondônia

O caso segue sendo investigado e nos próximos dias o inquérito deve ser finalizado e enviado ao Ministério Público de Rondônia (MP-RO).

Nota de pesar
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) – Seccional Rondônia divulgou nota de pesar e prestou solidariedade para a família de Camila, que era sobrinha da advogada Márcia Dantas Tupan.

“Neste momento de dor e tristeza, a diretora da OAB/RO a diretoria da OABRO manifesta apoio e solidariedade à família e amigos enlutados”, diz a nota.

Banner publicitário da Assembleia Legislativa

Banner publicitário Governo de Rondônia

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por G1/RO

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Publicidade
Publicidade Ações do Governo de Rondônia
Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais em Justiça