Search
Close this search box.
Publicidade

Bebê de 2 anos baleado na cabeça e no joelho em tentativa de homicídio já se alimenta sozinho e pode ter alta esta semana – VÍDEO

Menino foi ferido enquanto mãe tenta lhe proteger de atirador com o próprio corpo
Publicidade

Saiu da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Cacoal, o pequeno Benjamin de Oliveira da Paixão, de apenas 02 anos, que foi baleado na cabeça e em um dos joelhos em uma tentativa de homicídio ocorrida na casa onde ele mora com a mãe na Avenida 1º de Maio, região central de Vilhena, há exatamente uma semana.

O bebê que foi ferido enquanto a mãe tenta lhe proteger do atirador com o próprio corpo, foi conduzido as pressas para o município de Cacoal, onde ficou na UTI até segunda-feira, 18, mas milagrosamente recebeu alta e sente muita fome, já se alimentando sozinho.

Publicidade

A mãe de Benjamin, Paula Cristina de Oliveira, de 32 anos, que foi alvejada por 5 tiros, mas nenhum letal, falou com a reportagem do jornal e afirmou que só quem é mãe sabe o que ela esta passando.

“Só quem é mãe sabe o que é acordar e dormir com a alma doendo e implorando a Deus para que o filho sobreviva”, afirmou a mulher, que também se recupera dos traumas sofridos e que pretende buscar o filho na próxima quinta-feira, 21. Benjamin não precisou passar por cirurgia em nenhuma das lesões.

ASSISTA AO VÍDEO:

 

 

Combate Clean Anúncie no JH Notícias