Search
Close this search box.
Publicidade

Casal acusado de mandar matar homem no Orgulho do Madeira é preso na zona leste

Eles são suspeitos de mandar matar Marcos Roberto Cerqueira de Souza, 29, no dia 25 de março do ano passado.
Publicidade

Mônica F. J., 28, e Rennel C. S., 22, foram presos na noite desta segunda-feira (29) no bairro Porto Cristo, suspeitos de mandar matar Marcos Roberto Cerqueira de Souza, 29, no dia 25 de março do ano passado.

A vítima era suspeito de estuprar uma criança de 9 anos filha do casal em um apartamento no residencial Orgulho do Madeira, bairro Socialista, zona leste da capital.

Publicidade

Na ocasião, Marcos foi encontrado morto com requintes de crueldade, onde o corpo estava enrolado em lençóis e com pés e mãos amarrados depois de ser torturado e assassinado a facadas, depois teve o corpo desovado próximo a um matagal na Rua Santarém, setor chacareiro do bairro Jardim Santana.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, o casal teria pedido providências de membros de facção para resolver o problema. Marcos teria sido levado ao próprio apartamento onde morava e lá foi torturado até a morte.

Em entrevista ao Jornal Eletrônico News Rondônia, Rennel disse que a filha contou para a madrinha que havia sido abusada por Marcos, porém os membros da facção ficaram sabendo e tomaram providências.

O casal chegou ser levado a Delegacia de Homicídios no dia seguinte ao crime, mas foram liberados por não ter mandado de prisão. Nesta segunda-feira policiais do 5° Batalhão deram cumprimento ao mandado expedido com prisão do casal.

Ambos foram encaminhados ao Departamento de Flagrantes.

Combate Clean Anúncie no JH Notícias