Search
Close this search box.
Publicidade

Homem é morto a tiros após marcar encontro com mulher pelo WhatsApp

Homem de 38 anos teria sido alvejado por seis disparos
Publicidade

O caso de homicídio foi registrada na noite desta quarta-feira, 14 de Dezembro, na rua Girassol (1.708) esquina com a avenida Fiorindo Santini, no bairro Jardim Primavera, setor 17, em Vilhena.

Segundo informações levantadas até o momento conforme relatos de testemunhas, Liandro, de 38 anos, teria marcado encontro com uma mulher através do WhatsApp há alguns dias mas o encontro não teria dado certo naquela data e diante disto, ele continuou a manter conversa com ela.

Publicidade

Nesta noite, ele teria marcado encontro com essa suposta mulher para se encontrarem próximo ao local onde ocorreu o assassinato e inclusive, ele teria levado um capacete reserva, contudo, ao chegar no local combinado, eram dois homens em uma motocicleta que o esperavam.

Ele foi alvejado pelo primeiro disparo e empreendeu fuga na tentativa de salvar sua vida, porém, os homicidas o perseguiram e em determinado momento ele sofreu uma queda devido ao ferimento causado pelo disparo.

Ao cair no chão e agonizar, eis que os criminosos se aproximaram e efetuaram outros disparos contra a vítima e empreenderam fuga alunidade.

Encaminhado ao Hospital Regional pelo Corpo de Bombeiros Militares em estado grave e apresentando seis perfurações de bala, uma delas na região da testa, bem no meio da cabeça, Liandro acabou não resistindo a gravidade dos ferimentos e vindo ao óbito.

A Polícia Militar preservou o local do crime para realização de perícia criminal da Polícia Técnico-Científica (POLITEC) e a Polícia Civil, através do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) devem investigar as reais motivações do homicídio e apurar se de fato, o crime tem motivação passional.

Combate Clean Anúncie no JH Notícias