Siga nossas redes sociais

Domingo, 05/12/2021

JH Notícias

Polícia

Homem que matou esposa e deixou corpo ao lado do filho é procurado pela polícia

Vítima foi achada morta no colchão da sala. O marido dela, Eduardo Vieira, fugiu e está sendo procurado.

WhatsApp

O suspeito de assassinar a companheira a facadas e deixar o corpo dela ao lado de uma criança de 5 anos, em Ariquemes (RO), continua sendo procurado pela polícia. A vítima, identificada como Rosmira Margarita Hurtado Perez, foi achada morta no colchão da sala.

Mulher é morta pelo marido no colchão da sala e criança é deixada ao lado do corpo da mãe

Banner publicitário Refis-Semfaz Porto Velho
Chamada Escolar 2022
Mulher para efetivação

O feminicídio ocorreu na última quarta-feira (20) dentro de casa do bairro Setor 4 e, segundo a polícia, Rosmira, de 26 anos, foi assassinada durante a madrugada com golpes de faca no pescoço.

O corpo de Rosmira estava na casa onde vivia com o companheiro, identificado como Eduardo Vieira Batista. Ele é apontado pela polícia como principal suspeito de matar a mulher.

Eduardo, de 35 anos, fugiu após o crime e está sendo procurado pela Polícia Civil. Ao lado do corpo de Rosmira estava o filho dela, de 5 anos, que foi encontrado dormindo.

“Esse indivíduo levou a filha dele até a casa do pai e depois não foi mais visto. Ele informou ao pai que havia batido na ex-mulher”, contou o delegado Ricardo Rodrigues em entrevista ao jornal.

A criança foi levada pelo Conselho Tutelar a uma casa de acolhimento. O menino está bem e aguarda que a família da mãe seja encontrada.

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por G1/RO

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade JR Consultoria Financeira Porto Velho
Publicidade
Publicidade Mulher para efetivação
Publicidade
Chamada Escolar 2022
Banner publicitário Refis-Semfaz Porto Velho
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais em Polícia

Compartilhe esta notícia: