Siga nossas redes sociais

Domingo, 05/12/2021

JH Notícias

Política

CPI DA PANDEMIA – Advogada diz que Marcos Rogério é deselegante, sem compostura e não tem conhecimento

“O senhor desconhece as prerrogativas eu sinto muito”, disse Bruna Morato

WhatsApp

A advogada Bruna Morato, que representa os doze médicos Prevent Sênior que acusam a empresa de ter usado pacientes idosos como cobaias no tratamento precoce da COVID-19 bateu boca com o senador rondoniense Marcos Rogério (DEM) durante sessão da CPI da pandemia nesta última terça-feira (28) no Congresso Nacional.

Marcos Rogério tentou desqualificar o depoimento da advogada, afirmando que os médicos deveria estar presentes na CPI e não a advogada, o que ele considerou como uma espécie de “testemunha por tabela”.

Mulher para efetivação

Bruna Morato rapidamente rebateu Rogério, afirmando que o argumento utilizado por ele demonstrava total falta de conhecimento das prerrogativas legais, além de ignorância técnica para fazer tal alegação.

Banner publicitário Refis-Semfaz Porto Velho
Chamada Escolar 2022

“O senhor desconhece as prerrogativas eu sinto muito, estou aqui porque tenho direito de estar aqui, se o senhor desconhece a função social do advogado não deveria estar aqui. Essa descompostura, essa deselegância que o senhor tem só mostra que o senhor não tem capacidade técnica para analisar os fatos”, afirmou Bruna Morato.

Rogério rebateu afirmando que defendia a qualidade do depoimento e que jamais havia visto uma “testemunha com procuração”.

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por JH Notícias

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Política

Compartilhe esta notícia: