Search
Close this search box.
Publicidade

ELEIÇÕES 2024 – Léo Moraes tem até quinta-feira (06) para se desvincular do Detran e disputar a prefeitura de Porto Velho

A expectativa é grande quanto aos desdobramentos dessa decisão e às possíveis surpresas no grupo liderado pelo candidatíssimo Léo Moraes.
Publicidade

A semana começa com movimentações importantes no cenário político de Porto Velho, à medida que candidatos às eleições de outubro se preparam para se desvincular de seus cargos públicos. Um dos casos mais notáveis é o de Léo Moraes, diretor geral do Detran, que oficializará sua candidatura assim que deixar o cargo, o que deve ocorrer até esta quinta-feira, dia 6 de junho.

Léo Moraes comandou o Detran com resultados elogiados durante a gestão do governador Marcos Rocha. Apesar disso, não contará com o apoio do grupo palaciano nas eleições. O governador Marcos Rocha e seu círculo próximo declararam apoio a Mariana Carvalho, que recentemente se filiou ao União Brasil, partido do governador. Em entrevistas a emissoras de TV e rádio, Rocha tem reiterado que Mariana é sua candidata.

Publicidade

Léo Moraes, que já foi adversário de Rocha na última eleição ao governo, agora se posiciona como um aliado leal e agradecido. Ele respeita os acordos firmados pelo Palácio Rio Madeira/CPA e não buscará apoio do grupo governista, optando por conduzir sua campanha de forma independente com seus próprios parceiros.

O ex-deputado federal já está trabalhando para garantir apoios estratégicos, incluindo o do deputado federal Fernando Máximo. Nas próximas semanas, mais alianças podem ser formadas, reforçando a base de apoio de Moraes.

Os próximos dias serão decisivos para Léo Moraes, que deverá deixar oficialmente o comando do Detran até a quinta-feira para se habilitar legalmente como candidato. A expectativa é grande quanto aos desdobramentos dessa decisão e às possíveis surpresas no grupo liderado pelo candidatíssimo Léo Moraes.

Enquanto isso, a corrida eleitoral em Porto Velho se aquece, com Mariana Carvalho contando com o respaldo do grupo palaciano e Léo Moraes buscando consolidar sua posição com apoios independentes. A competição promete ser acirrada, refletindo a dinâmica política da capital rondoniense.

Anúncie no JH Notícias