Siga
Em delação, diretor da JBS diz ter pago R$ 4 milhões de propina a Valdir Raupp
Foto: UOL

Política

Em delação, diretor da JBS diz ter pago R$ 4 milhões de propina a Valdir Raupp

Ricardo Saud, diretor de relações institucionais da JBS, contou em sua delação que a JBS comprou cinco senadores em 2014, a pedido de Guido Mantega, para garantir o apoio do PMDB à reeleição de Dilma.

Segundo Saud, o acerto foi feito na casa de Renan. Ao todo, a JBS pagou R$ 43 milhões. Renan Calheiros ficou com a maior parte (R$ 9,3 milhões) e Valdir Raupp (R$ 4 milhões) com a menor. Eduardo Braga, Jader Barbalho e Eunício Oliveira levaram R$ 6 milhões cada.

O executivo contou sobre os pagamentos a Michel Temer, que, apavorado com a perda de apoio, reassumiu o comando do PMDB para conseguir manter a vaga de vice na chapa de Dilma.

“O Joesley me entregou um bilhete, depois de uma reunião com Guido. Eu fui lá, no sábado à tarde, no Michel Temer, e mostrei isso a ele. Ele ficou muito indignado, porque estava perdendo o controle do PMDB.”

Fonte: O Antagonista

LEIA TAMBÉM:

LAVA JATO – Investigações apontam que Marcos Rogério recebeu dinheiro de empreiteiras

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

Conveniência Liberdade em Porto Velho

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Mil Contabilidade

Publicidade

BOCA ROSA – Curso de Maquiagem PROFISSIONAL

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Publicidade