Search
Close this search box.
Publicidade
EcoRondônia

Governo Lula vai acelerar entrega de conjuntos habitacionais em Porto Velho, diz Samuel Costa

A retomada das obras em Porto Velho é um exemplo claro de como a cooperação entre diferentes níveis de governo e líderes comunitários pode trazer resultados positivos e concretos
Publicidade

Samuel Costa (REDE), se reuniu com o Ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias (PT), para discutir um tema crucial para a população de Porto Velho: a retomada das obras de conjuntos habitacionais abandonados. O encontro reafirmou o compromisso do governo do presidente Lula em agilizar a entrega dessas unidades, oferecendo uma nova esperança para trabalhadores e trabalhadoras da região.

O Ministro Wellington Dias enfatizou que a aceleração na entrega dos conjuntos habitacionais é uma prioridade do governo federal, alinhada com a meta de reduzir o déficit habitacional e garantir moradia digna para milhares de brasileiros. “Estamos empenhados em resolver essa situação que já se arrasta há anos. As famílias que aguardam por suas casas não podem mais esperar. Vamos iniciar as obras ainda no segundo semestre de 2024”, declarou Dias.

Publicidade

Samuel Costa, que tem sido um defensor ativo da causa, expressou otimismo. “Esse compromisso do governo Lula é um passo importante para a justiça social e melhoria das condições de vida dos nossos trabalhadores e trabalhadoras. É inaceitável que projetos habitacionais fiquem parados enquanto tantas famílias carecem de um lar seguro”, afirmou.

As obras em Porto Velho, que estão paralisadas há mais de uma década, serão retomadas com um planejamento meticuloso para garantir que os erros do passado não se repitam. As novas fases do projeto incluirão não apenas a conclusão das unidades habitacionais, mas também a infraestrutura necessária para a criação de comunidades sustentáveis e bem integradas através do no PAC.

Além da questão habitacional, a reunião abordou outras áreas estratégicas de desenvolvimento social, refletindo a abordagem abrangente do governo Lula em combater a pobreza e promover a inclusão social. A entrega dessas moradias será um marco no compromisso contínuo do governo em melhorar a qualidade de vida dos brasileiros e fortalecer a coesão social.

A retomada das obras em Porto Velho é um exemplo claro de como a cooperação entre diferentes níveis de governo e líderes comunitários pode trazer resultados positivos e concretos. Com o início das obras previsto para o segundo semestre de 2024, a expectativa é que centenas de famílias possam celebrar o Natal de 2025 em suas novas casas, finalmente realizando o sonho da casa própria.

Este desenvolvimento marca um avanço significativo na luta contra a desigualdade habitacional no Brasil, mostrando que com vontade política e empenho, é possível transformar promessas em realidade tangível.

Anúncie no JH Notícias