Search
Close this search box.
Publicidade

IMPROBIDADE – Justiça eleitoral pede indeferimento de candidatura do deputado Alan Queiroz

Improbidade administrativa do período em que ele foi presidente da Câmara Municipal de Vereadores
Publicidade

O Procurador Regional Eleitoral, Bruno Rodrigues Chaves, solicitou o indeferimento da candidatura à reeleição do deputado estadual Alan Queiroz (PODEMOS) por conta de acusação de improbidade administrativa do período em que ele foi presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Porto Velho.

Alan Queiroz, que era vereador, assumiu o mandato na Assembleia Legislativa de Rondônia após o pleito de 2018, quando o então deputado Adailton Fúria, venceu o pleito para prefeito de Cacoal e deixou a vaga para ele, que era seu primeiro suplente.

Publicidade

“No caso dos autos, destaca-se que a desaprovação das contas decorreu de irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa”, afirmou o Procurador Bruno Chaves.

Cotado como um dos nomes fortes do PODEMOS, a possível saída de Queiroz da disputa pode representar um baque na contagem final de votos da legenda, que tem como meta ampliar sua base no Legislativo rondoniense.

Alan Queiroz ainda se recupera de um grave acidente sofrido recentemente, quando seguia em seu veículo com familiares e assessores de campanha. A decisão final deve ficar por conta de instancias superiores da Justiça Eleitoral.

Confira documento:

(CLIQUE AQUI E CONFIRA DESPACHO)

Combate Clean Anúncie no JH Notícias