PDT de Rondônia prevê gastos de até R$ 11,2 milhões para eleger seus candidatos

A previsão está alinhada às determinações da Lei nº. 13.488/17, que estipula a minirreforma eleitoral fixada desde o ano passado.

Geral, Política - quinta-feira, 02/08/2018 às 09h30min
PDT de Rondônia prevê gastos de até R$ 11,2 milhões para eleger seus candidatos

De acordo com a ata de convenção apresentada pelo PDT à Justiça Eleitoral, o partido liderado regionalmente pelo senador Acir Gurgacz pretende gastar até R$ 11,2 milhões para eleger candidatos ao Governo de Rondônia, à Assembleia Legislativa (ALE/RO), à Câmara Federal e ao Senado.

A previsão está alinhada às determinações da Lei nº. 13.488/17, que estipula a minirreforma eleitoral fixada desde o ano passado.

Acir Gurgacz, o candidato ao governo, poderá contar com R$ 4,9 do total de R$ 11,2 milhões. Os postulantes a deputado estadual contarão com R$ 1 milhão; a federal, com R$ 2,5 milhões; e a senador e suplente, com R$ 2,8 milhões.

“[…]Por fim, delega-se poderes também a Executiva Regional do PDT para tratar de qualquer assunto de interesse do processo eleitoral de 2018. Passa-se a dispor sobre a previsão de gastos máximo para os candidatos apontados que deverá ser os estabelecidos na Lei nº. 13.488, de 06.10.2017, sendo para a candidatura de Governador 4.900.000,00 (quatro milhões e novecentos mil reais), Para candidatura de Senador e Suplentes: R$2.800.000,00 (dois milhões e oitocentos mil reais), Para a candidatura de Deputado Federal, 2.500.000,00 (dois milhões e quinhentos mil reais), Para a candidatura de Deputado Estadual 1.000.000,00 (um milhão de reais)”, diz trecho da ata.

Autor/Fonte: Rondoniadinamica


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email