Search
Close this search box.
Publicidade

Escolas estaduais de Rondônia atuam com o ensino do “Programa de Educação Integral”

As escolas do PEI possuem uma proposta mais abrangente com um modelo pedagógico integrado ao modelo de gestão
Publicidade

Com o intuito de melhor a aprendizagem, por meio de um modelo pedagógico inovador, o Governo de Rondônia implantou o Programa de Educação Integral (PEI), em 2023. Nesse viés, Rondônia avançou na educação e nove escolas em sete municípios do Estado ganham destaque em ensino integral, atendendo a estudantes do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio.

As escolas do PEI possuem uma proposta mais abrangente com um modelo pedagógico integrado ao modelo de gestão. Tudo isso, com fins de elevação dos índices de desempenho por meio da ampliação da Educação em Tempo Integral, mediante a implementação de políticas públicas direcionadas à melhoria da qualidade da Educação Básica.

Publicidade

O Programa está em consonância com as diretrizes do Plano Estadual de Educação de Rondônia (PEE/RO), em conformidade com a Meta 6 e suas respectivas estratégias contidas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC). E, comprometido com as demais legislações vigentes para o Ensino Fundamental e Ensino Médio e com o Referencial Curricular do Estado de Rondônia para Ensino Fundamental e Médio.

GRATIFICAÇÃO AOS GESTORES

Programa de Educação Integral traz atualização ao tema Gratificação de Incentivo Educacional Integral (GIEI) a ser paga aos servidores da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Os beneficiados serão aqueles que atuam nas unidades escolares, o Coordenador Pedagógico do programa lotado nas Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) e à Equipe de Coordenação do Ensino Fundamental II dos anos finais e à Equipe de Coordenação do Ensino Médio, lotadas na sede pelo desempenho das funções neste programa.

De acordo com a secretária de Estado da Educação, Ana Lúcia Pacini, a iniciativa contribui para motivar os servidores a desempenharem um trabalho cada vez melhor dentro de suas funções específicas. “Mostrando assim, as ações e investimentos do Governo de Rondônia com a valorização do profissional que se dedica à educação integral no Estado”, salientou.

DIFERENCIAL DO PROGRAMA

Segundo a gerente de Educação Integral, Edna Carla Batista, o Programa tem por objetivo propiciar a formação de indivíduos autônomos, solidários e competentes, com conhecimentos para o pleno desenvolvimento da pessoa humana e seu preparo para o exercício da cidadania.

“Destaca-se que o diferencial do programa é possuir um modelo pedagógico associado a um modelo de gestão pautado na adoção de práticas de planejamento, gerenciamento e avaliação”, pontuou, sem deixar de mencionar a gratificação a ser paga aos profissionais da educação, que atuam no PEI.

Para o Governador de Rondônia, Marcos Rocha, a meta é ampliar o Programa de Educação Integral em 2024, para atender mais escolas. “Investir em Educação Integral é prioridade em nossa gestão e não vamos parar até que nosso objetivo seja alcançado”, salientou.

ESCOLAS ESTADUAIS DO PEI

  • EEEMTI Marechal Rondon – Buritis;
  • EEEFM Carlos Drummond de Andrade – Cacoal;
  • EEEF Honorina Lucas de Brito – Cacoal;
  • EEEF Prof. Valdir Monfredinho – Pimenta Bueno;
  • EEEF Bela Vista – Porto Velho;
  • EEEF Juscelino Kubitscheck – Porto Velho;
  • EEEF Alexandre de Gusmão – Nova Brasilândia do Oeste;
  • EEEF Monteiro Lobato – Rolim de Moura; e
  • EEEF Dep. Genival Nunes da Costa – Vilhena.
Combate Clean Anúncie no JH Notícias