IPAM atende Sindeprof em reunião com comissão de servidores e sindicatos

Rondônia - sexta-feira, 17/01/2020 às 08h43min
IPAM atende Sindeprof em reunião com comissão de servidores e sindicatos
Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.

Atendendo a um pedido feito pela vereadora e presidente do Sindeprof Ellis Regina, o presidente do Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores do Município de Porto Velho (IPAM), Ivan Furtado, recebeu em audiência um grupo de representantes sindicais e do serviço público municipal para falar sobre a atual situação do instituto.

O presidente rechaçou a divulgação feita na imprensa de que o Instituto corre o risco de fechar suas portas e disse que o IPAM continuará atendendo ao servidor, apesar de alguns problemas pontuais que precisam ser resolvidos, e que demandam tempo, pois não dependem apenas da gestão do instituto, mas também do Executivo, da Câmara e do apoio dos servidores.

Ivan Furtado admitiu que o IPAM possui déficit no seu fundo da Assistência Médica e um passivo no Elemento Moderador – despesa com procedimento de alta complexidade como cirurgia, internação e exames, e que as despesas cresceram muito nos últimos anos, apesar da arrecadação ter sido praticamente a mesma. Porém nada que prejudique o Instituto a ponto de ser fechado.

A reunião foi oportuna e teve encaminhamentos importantes. Dentre as propostas apresentadas pela comissão de servidores estão o aumento do percentual da alíquota, a maior divulgação sobre questões importantes da Assistência no Portal Transparência, além de uma nota oficial do instituto à imprensa pontuando toda a problemática do instituto.

Ellis Regina, falando em nome do Sindeprof, fez as seguintes propostas: Reavaliação dos contratos do instituto, não-assistência a cargos de prazo pré-determinado, contribuição paritária de servidores e Prefeitura, ajuizamento de ações contra devedores do instituto (ex-servidores comissionados), exame de Receita e Despesa, verificação a extensão dos benefícios a pensionistas e absorvência pelo Município dos custos de acidentes de trabalho .

“Pela reunião de hoje nota-se que é certa a permanência da manutenção dos atendimentos da assistência pelo IPAM, com a participação paritária do Município e servidores. As Propostas serão analisadas e discutidas com os Sindicatos e a categoria.

Ao finalizar, Ellis ressaltou que em agosto do ano passado, uma audiência realizada na Câmara Municipal já havia a proposta de avalição atuarial nos recursos da Assistência. Uma empresa já foi contratada para a realização dos levantamentos atuariais do instituto e os trabalhos serão apresentados nos próximos dias. Somente a partir desse levantamento é que será possível chega a uma proposta de equilíbrio econômico-financeiro para estabilização das contas do instituto.

Por Assessoria


Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.