Search
Close this search box.

NO CONTRATO – Amazon Fort tem até 21 de outubro para inaugurar praça da EFMM

O prazo foi estipulado pela prefeitura de Porto Velho no contrato de concessão
Publicidade

Através de sua assessoria de comunicação a prefeitura de Porto Velho garantiu que nada teve a ver com o a realização do evento de posse da nova diretoria da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia – FIERO ocorrido na última semana de forma indevida no complexo da Praça da Estrada de Ferro Madeira Mamoré – EFMM.

De acordo com a prefeitura da capital rondoniense toda a responsabilidade é do grupo Amazon Fort, responsável pela gestão do local, porém, não esclareceu a presença do prefeito no evento promovido, segundo o IPHAN, em espaço tombado pelo patrimônio histórico e que não está aberto para uso privado.

Publicidade

“Desde a entrega das chaves, a responsabilidade pela manutenção, operação, eventuais danos e deterioração do imóvel pertence à empresa vencedora, a Amazon Fort Soluções Ambientais e Serviços de Engenharia Ltda.”, afirmou a prefeitura de Porto Velho.

Evento da FIERO contou a participação do prefeito Hildon Chaves (UNIÃO)

Data para inaugurar

O lado positivo é que após a polêmica a prefeitura de Porto Velho divulgou a previsão de abertura dos portões do complexo da Praça da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, o dia 21 de outubro desse ano.

“Após a assinatura do contrato de concessão do complexo da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré (EFMM) com a empresa concessionária vencedora da licitação pública, o município realizou, em junho, a entrega das chaves. A partir disso, conforme estipulado em contrato, a empresa tem até o dia 21 de outubro para efetivar a abertura do local ao público”, finalizou a prefeitura da capital de Rondônia.

A FIERO e a Amazon Fort não se manifestaram sobre o caso. O IPHAN não se posicionou se irá fiscalizar se houve algum dano ao patrimônio tombado por conta do evento.

Anúncie no JH Notícias