Domingo, 17 de Novembro de 2019

Notícias de Rondônia

R$ 1 milhão: ex-membro do PSL de Rondônia denuncia que partido exigiu propina para poder se candidatar em 2018

Postado em 21/10/2019 às 13h03min


R$ 1 milhão: ex-membro do PSL de Rondônia denuncia que partido exigiu propina para poder se candidatar em 2018

Parece que o inferno astral do PSL está apenas começando. Em processo de total esfacelamento em nível nacional, o partido de Bolsonaro em Rondônia também está às voltas com candidaturas laranjas e denúncias de cobrança de pedágio para poder se candidatar.

Além da iminência de ter toda a bancada eleita em 2018 cassada, o partido poderá perder até o governador eleito em 2018. Segundo o portal O Cuidão (www.ocuidao.com.br), em vídeo divulgado (veja abaixo), Mabel Viana, ex membro do PSL de Rondônia, pré candidato ao Senado Federal, teria desistido da candidatura depois de exigência de propina para poder concorrer a vaga.

No vídeo ele revela que houve exigência de 1 milhão de reais para a consolidação da chapa ao governo do Estado. Clique no link do vídeo abaixo e confira. Ideal ver a partir dos 6 minutos do vídeo.

Por Maisro