Siga nossas redes sociais

Sábado, 22/01/2022

JH Notícias

Sphera Engenharia - Empresa de Construção e Reformas em Porto Velho - Rondônia

Rondônia

Vacina contra Covid em Porto Velho: quem pode ser vacinado, quando e o que deve fazer

Nesta segunda-feira (13), pessoas com 12 anos ou mais sem comorbidade, agendadas no SASI, são imunizadas contra a Covid-19. Segunda dose está suspensa para a AstraZeneca.

WhatsApp
Banner publicitário da Prefeitura de Porto Velho - IPTU 2022

Nesta segunda-feira (13) a prefeitura de Porto Velho dá seguimento na vacinação contra a Covid-19, porém não há doses para aplicação da segunda dose da AstraZeneca e, com isso, a vacinação desse imunizante fica suspensa.

Já a aplicação da primeira e segunda dose com a Pfizer e Coronavac segue normalmente.

De acordo com a administração municipal, dois pontos atendem com primeira e segunda dose, pessoas com 12 anos ou mais sem comorbidade, que tenham cadastro no SASI.

Pontos de vacinação em Porto Velho

Público Horário de atendimento Local
12+ sem comorbidade com cadastro no SASI 14h às 21h Porto Velho Shopping – Av. Pref. Chiquilito Erse, 3288, bairro Flodoaldo Pontes Pinto
12+ sem comorbidade com cadastro no SASI 9h às 16h Faculdade Fimca – R. das Ararás, 241 – Eldorado

Antecipação
A Prefeitura de Porto Velho informou que vai manter de forma permanente a aplicação da 2ª dose 60 dias após a 1ª para as vacinas Pfizer e AstraZeneca. O objetivo da antecipação é garantir a imunização completa dos portovelhenses contra a Covid-19.

Leia mais: Prefeitura de Porto Velho antecipa a 2ª dose das vacinas Pfizer e AstraZeneca para população em geral
Campanha de imunização
A Prefeitura de Porto Velho iniciou a vacinação contra a Covid-19 em 19 de janeiro e foi ampliando o calendário de vacinação do público-alvo conforme chegam novas doses.

Quais grupos já começaram a receber as doses na capital:

Profissionais de saúde;

Idosos com 60 anos ou mais;

Trabalhadores do sistema funerário;

Trabalhadores da Defesa Civil Municipal que atuam na força-tarefa das enchentes;

Conselheiros municipais e estaduais de saúde que trabalham presencialmente em estabelecimentos de saúde;

Profissionais de clínicas particulares;

Trabalhadores da segurança pública;

Pessoas em situação de rua com mais de 60 anos ou em tratamento de tuberculose ou HIV;

Pessoas com Síndrome de Down acima de 18 anos;

Pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise);

Pessoas com deficiência permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) com mais de 18 anos;

Gestantes e puérperas acima de 18 anos;

Pessoas com HIV;

Pessoas com comorbidades com mais de 18 anos;

Trabalhadores da educação e professores

Veterinários, auxiliares e técnicos de veterinária, e educador físico atuante em academias

Trabalhadores portuários

Pessoas com mais de 18 anos sem comorbidades

Trabalhadores do transporte coletivo

Trabalhadores da Indústria

Trabalhadores do comércio

Adolescentes com 12 anos ou mais com e sem comorbidades

 

Cadastro para agendar vacina

O cadastro para agendar a vacina está aberto para toda população de Porto Velho e deve ser realizado pelo aplicativo Sasi.

O app segue os parâmetros do Plano Nacional de Imunização (PNI) e foi planejado para registrar informações sobre a população e facilitar o agendamento das vacinas. O sistema é autoexplicativo e para ativá-lo, o usuário deve digitar o código PVH21. O aplicativo está disponível para celulares Android e também sistema IOS.

Após fazer o cadastro, o morador pode consultar no Portal Imuniza, da prefeitura, se já foi feito o agendamento da vacinação para o seu CPF. É possível checar os dados cadastrados no aplicativo Sasi na aba “Consultar Agendamento”, em seguida é só preencher com CPF e data de nascimento nos campos solicitados.

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por G1 RO

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Rondônia

Compartilhe esta notícia: