WhatsApp chega a 2 bilhões de usuários em todo o mundo

Tecnologia - quarta-feira, 12/02/2020 às 16h10min • Atualizado 14/02/2020 às 14h26min
WhatsApp chega a 2 bilhões de usuários em todo o mundo
Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.

O WhatsApp anunciou nesta quarta-feira (12) em uma publicação oficial que o aplicativo já é usado por 2 bilhões de pessoas em todo o mundo. A plataforma dobrou de tamanho desde 2017, quando anunciou que atingiu o primeiro bilhão de usuários.

O aplicativo atualmente pertence ao Facebook, que comprou o WhatsApp em 2014 por US$ 22 bilhões, e é um dos mensageiros mais usados no mundo, muito popular em países como a Índia, além do Brasil.

No comunicado em que anuncia a nova marca, o WhatsApp afirmou que encriptação, umas das características mais marcantes e polêmicas do aplicativo, é “uma necessidade da vida moderna” e que “suas conversas particulares ficam com você”.

A criptografia de “ponta a ponta”, como a utilizada pelo WhatsApp, garante que o conteúdo da mensagem seja decifrado apenas pelo destinatário final.

Essa tecnologia do WhatsApp é celebrada, mas também questionada por “esconder” o que acontece dentro da plataforma. Em 2018, diante de casos graves de disseminação de boatos, o aplicativo optou por limitar os encaminhamentos de mensagem.

Na Índia, o maior mercado do aplicativo no mundo, o problema se tornou tão grave que linchamentos e mortes foram causados por boatos que surgiram no aplicativo.

Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.

Por G1


Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.