Search
Close this search box.

Casal contratou colombianos para cobrarem dívida de forma violenta

Comerciante foi ameaçado e recebeu visitas ameaçadoras de estrangeiros para transferir R$ 30 mil via Pix, que seria valor de dívida
Publicidade

Um casal de brasileiros e dois colombianos foram presos na última segunda-feira (4/4) por suspeita de extorquir um comerciante da capital de Goiás.

Segundo as investigações, o casal pagou R$ 4 mil para a dupla de colombianos cobrar de forma violenta uma suposta dívida com o comerciante.

Publicidade

A vítima procurou a polícia depois de receber visitas intimidadoras dos colombianos e ter sido ameaçado por mensagens e ligações.

Conta Pix
Um dos suspeitos, falou por telefone que “mandaria os meninos resolver a situação”, caso o comerciante não depositasse R$ 30 mil em uma conta Pix.

A vítima seria ex-sócia da contratante dos colombianos. As duas teriam ficado com desavenças após o fim da sociedade e esse seria o motivo da cobrança da “dívida”.

A vítima, conforme relatos colhidos pela equipe policial, disse que dois homens foram de moto ao comércio dela para cobrar a dívida. Ela contou, ainda, que recebeu ligações e mensagens de cobrança.

O Grupo Antissequestro da Polícia Civil de Goiás (GAS/DEIC) conseguiu identificar o dono da conta Pix e os dois estrangeiros que praticavam a extorsão.

A dupla de “cobradores” foi flagrada em câmeras de monitoramento. No momento da prisão, eles estavam com a mesma motocicleta que usavam para praticar a extorsão. Os nomes dos suspeitos do crime não foram divulgados.

Estrangeiros
Um colombiano está em Goiânia há cinco anos, e o outro, há três. Segundo a polícia, eles moram na cidade sem ter identificação e trabalham no mercado informal fazendo cobranças.

O Jornal não encontrou contato dos suspeitos nem da defesa deles até o momento em que publicou este texto, mas o espaço segue aberto para manifestações.

Anúncie no JH Notícias