Siga nossas redes sociais

Domingo, 03/07/2022

JH Notícias

Brasil

Três estudantes somem durante excursão; um é achado morto

Daniel completou 14 anos no último dia 1º. Corpo de Bombeiros encontrou o corpo do jovem, que morreu afogado, após 5 horas de busca

WhatsApp

O adolescente Daniel Hiarle Arruda de Oliveira, de 14 anos, foi encontrado morto ontem (6), por volta das 23h, na região do complexo turístico Véu das Noivas, em Chapada dos Guimarães (a 50 km de Cuiabá). O menino participava de uma excursão da Escola Professor Welson Mesquita de Oliveira (antigo Pascoal Ramos), localizada no bairro Pascoal Ramos, na Capital.

De acordo com informações de familiares, ele saiu ontem com os amigos para o complexo de cachoeiras. O passeio foi autorizado pelos pais como presente de aniversário. Daniel completou 14 anos no último dia 1º. “Contudo, a escola só percebeu a ausência dele quando chegou do passeio em Cuiabá”, disse uma familiar à reportagem, que não quis se identificar.

cachoeira da praia

O Corpo de Bombeiros, por sua vez, informa que a guarnição foi acionada via Ciosp por volta das 18h30, para realizar as buscas. Detalha que foram colhidas informações sobre o histórico do aluno, como vestimentas e outras informações pertinentes.

E que, após isso, foram iniciadas as buscas na mata em direção ao último local em que supostamente o aluno foi visto, cachoeira da praia. No local foi realizado um mergulho na profundidade de aproximadamente três metros e o jovem foi localizado sem vida. Cinco bombeiros e um cão de busca atuaram na operação, que durou aproximadamente 5 horas.

Agora, a família aguarda a liberação do corpo para decidir quanto ao funeral.

Segundo o jornal, a polícia foi acionada pelo padrasto da vítima, que estava na escola cobrando informações sobre o paradeiro do menino. Ele foi informado pelos colegas de turma que Daniel desapareceu durante a aula de campo, realizada no Circuito de Cachoeiras.

Lá, os policiais também conversaram com os professores responsáveis pela aula, bem como outros servidores que também estiveram presentes. Equipe do Corpo de Bombeiros e Polícia Civil foram acionadas e as buscas tiveram início.

Reportagem entrou em contato com a Seduc, que vai se manifestar por meio de nota. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por RD News

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em Brasil