Search
Close this search box.
Publicidade
EcoRondônia

Tentando retomar vitórias, Brasil enfrenta Uruguai em Montevidéu

O jogo começa às 21 horas
Publicidade

A seleção brasileira, sob o comando do técnico Fernando Diniz, enfrenta o Uruguai às 21h (horário de Brasília) desta terça-feira, 17 de outubro, no estádio Centenário, em Montevidéu, em um desafio crucial nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026.

Depois de vencer a Bolívia por 5 a 1 na estreia e a seleção peruana por 1 a 0, o Brasil empatou em 1 a 1 com a Venezuela em uma partida decepcionante realizada na Arena Pantanal, em Cuiabá, na última quinta-feira. Com esse resultado, a equipe canarinho caiu para a segunda posição da classificação, com sete pontos, dois a menos que a líder Argentina.

Publicidade

Diante de um Uruguai renovado, liderado pelo inovador técnico Marcelo Bielsa e não mais contando com os experientes atacantes Edinson Cavani e Luis Suarez, o técnico Fernando Diniz planeja fazer mudanças na equipe titular para buscar a vitória mesmo jogando fora de casa contra um adversário forte.

A primeira alteração será por necessidade, com o lateral Yan Couto entrando no lugar de Danilo, que está lesionado. Além disso, Guilherme Arana cederá seu lugar a Carlos Augusto, enquanto Richarlison será substituído por Gabriel Jesus. Com essas mudanças, a provável escalação brasileira será a seguinte: Ederson; Yan Couto, Marquinhos, Gabriel Magalhães e Carlos Augusto; Casemiro, Bruno Guimarães e Neymar; Rodrygo, Vinícius Júnior e Gabriel Jesus.

Apesar das mudanças, o técnico Fernando Diniz não espera um jogo fácil em Montevidéu, afirmando: “Espero um jogo muito difícil, com ambas as equipes buscando o protagonismo. Acredito que temos as características do [Marcelo] Bielsa, que são bem conhecidas. As minhas também são. Portanto, teremos uma partida muito disputada.”

Assim como o Brasil, após a Copa do Mundo do Catar, a seleção do Uruguai também passou por uma mudança no comando. Enquanto Tite foi sucedido por Fernando Diniz no Brasil, a seleção uruguaia escolheu Marcelo Bielsa como seu novo treinador em substituição a Diego Alonso, que assumiu o comando do Sevilla na Espanha.

Além da troca de comando, o Uruguai também passou por mudanças dentro de campo. Os experientes atacantes Edinson Cavani e Luis Suarez não foram convocados para as Eliminatórias, sendo substituídos pelo jovem Darwin Núñez, que joga pelo Liverpool na Inglaterra. Nesse novo Uruguai, o meia-atacante Agustín Canobbio, do Athletico-PR, e o volante Federico Valverde, do Real Madrid na Espanha, também têm se destacado.

Anúncie no JH Notícias