Notícias de Geral

Em nota, Jair Montes diz estar surpreso com a decretação de prisão

Postado em 16/12/2018 às 10h17min


Em nota, Jair Montes diz estar surpreso com a decretação de prisão

O deputado Estadual eleito, Jair Montes, foi preso na manhã desta sexta-feira (14) pela Delegacia de Repressão ao Crime Organizado(Draco) da Polícia Civil de Rondônia. O mandado de prisão preventiva é resultado da Operação Apocalipse realizada em 2013. Confira a nota emitida pela assessoria jurídica do deputado:

“O Deputado estadual Jair Montes (PTC) se diz surpreso pela decretação da prisão de 1º grau sem fundamentos jurídicos plausíveis e entende que a prisão só se procedeu em virtude do mesmo estar na iminencia de ser diplomado deputado estadual no dia 18 deste mês.

A prisão trata-se da operação apocalipse do ano de 2013 na qual o deputado através de sua assessoria jurídica vem apresentando sua defesa durante todo o processo na busca do reconhecimento de sua inocência. Causa surpresa a decretação da prisão de Jair Montes em 1º grau mesmo após o Tribunal de Justiça de Rondônia anular as provas através dos autos nº 004349-53.2016.822.0501 que fundamentaram a Operação Apocalipse. Ressaltamos que a prisão foi determinada desobedecendo acórdão do TJ-RO e que o juízo de 1º grau deixou de analisar diversos pedidos de trancamento da ação penal nº 0011353-49.2013.8.220501

Por fim, o vereador e deputado estadual eleito pelo povo para a próxima legislatura da Assembleia Legislativa de Rondônia destaca que mesmo indignado com a decretação da prisão sem fundamento respeita a decisão do judiciário de Rondônia.

Informamos que ainda hoje a assessoria jurídica impetrou um Habeas Corpus no Tribunal de Justiça do Estado para restabelecer a liberdade e a justiça do qual o mesmo faz por merecer.

Por Assessoria