Search
Close this search box.

FEBRE DO FOGO V – Operação da Polícia Federal, IBAMA e SEDAM/RO resulta em prisão de pessoas no rio Madeia

A Operação Febre do Fogo V tem como objetivo combater crimes ambientais na região do Rio Madeira, onde a extração ilegal de recursos naturais tem causado sérios danos ao ecossistema
Publicidade

Na manhã da última terça-feira, 9 de julho, a Polícia Federal, em conjunto com o IBAMA e a SEDAM/RO, deflagrou mais uma fase da Operação Febre do Fogo V no Rio Madeira, entre os distritos de São Carlos e Calama. A operação resultou na prisão em flagrante de quatro pessoas e na desativação de diversas embarcações utilizadas em atividades ilegais.

A Operação Febre do Fogo V tem como objetivo combater crimes ambientais na região do Rio Madeira, onde a extração ilegal de recursos naturais tem causado sérios danos ao ecossistema. As ações de fiscalização são parte de um esforço contínuo das autoridades para proteger o meio ambiente e garantir o cumprimento das leis ambientais.

Publicidade

Os presos foram detidos durante ações de fiscalização que identificaram atividades ilegais no rio. As embarcações desativadas estavam sendo utilizadas para a extração ilegal de recursos, contribuindo para a degradação ambiental na área. As autoridades apreenderam os equipamentos e interromperam as atividades criminosas, reforçando o compromisso com a preservação do meio ambiente.

A Polícia Federal, o IBAMA e a SEDAM/RO continuam empenhados em combater os crimes ambientais na região, buscando responsabilizar os infratores e preservar os recursos naturais do Rio Madeira. A operação foi mais um passo significativo na luta contra a degradação ambiental e no esforço para garantir um futuro sustentável para a Amazônia.

As investigações continuam, e as autoridades esperam que as ações de fiscalização e repressão sirvam como um alerta para aqueles que insistem em praticar atividades ilegais na região. A colaboração entre as diversas instituições envolvidas demonstra a importância da união de esforços na proteção do meio ambiente e na aplicação da lei.

A comunidade e as organizações de proteção ambiental aguardam com expectativa os próximos desdobramentos da Operação Febre do Fogo V e esperam que as medidas tomadas sirvam para deter futuras atividades criminosas na região do Rio Madeira.

Anúncie no JH Notícias