Search
Close this search box.

Sitiante sofre amputação de perna após gravíssimo acidente de moto em RO

A família de Atevaldo expressou profunda gratidão às pessoas que ofereceram apoio e orações durante este período difícil
Publicidade

Atevaldo Sampaio de Oliveira, de 38 anos, teve uma das pernas amputada na quarta-feira, 12 de junho, após sofrer um grave acidente de motocicleta na rodovia que liga Colorado do Oeste a Cabixi. A amputação, realizada no hospital João Paulo II em Porto Velho, foi necessária devido a uma infecção que se desenvolveu após o acidente.

A colisão aconteceu quando Atevaldo pilotava sua motocicleta e bateu na lateral de uma picape. Com o impacto, ele sofreu ferimentos severos em uma das pernas, resultando na necessidade de amputação na altura da metade da coxa. A cirurgia foi considerada um sucesso pela equipe médica, que optou por não utilizar anestesia geral durante o procedimento.

Publicidade

Após a operação, Atevaldo foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) onde continua a ser medicado para combater infecções. De acordo com informações fornecidas por um familiar ao jornal, o paciente não precisou de intubação e está lúcido, apesar de ainda sentir muitas dores.

A família de Atevaldo expressou profunda gratidão às pessoas que ofereceram apoio e orações durante este período difícil. Em um áudio enviado através do WhatsApp, um parente relatou que, apesar das adversidades, Atevaldo está “com a cabeça boa” e segue em recuperação.

“Queremos agradecer a todos que têm orado por Atevaldo e oferecido ajuda à nossa família nestes dias de aflição,” disse a familiar. “Sua recuperação é nosso foco agora, e continuamos pedindo orações para sua completa reabilitação.”

O acidente mobilizou a comunidade local, que se uniu em torno da família de Atevaldo para oferecer suporte emocional e material. A recuperação do sitiante ainda exige cuidados intensivos, mas a família permanece esperançosa e confiante no trabalho dos profissionais de saúde.

Anúncie no JH Notícias