Convenções definem candidatos a prefeito em Porto Velho; veja os nomes

As convenções partidárias começam a definir os candidatos a prefeito da capital, cujas candidaturas foram homologadas nas hostes partidárias…

Política, Rondônia - sexta-feira, 18/09/2020 às 09h04min
Convenções definem candidatos a prefeito em Porto Velho; veja os nomes
Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.

Breno Mendes (AVANTE)

Avante oficializou nesta terça-feira (8) a candidatura de Breno Mendes à prefeitura de Porto Velho. O anúncio foi feito em uma convenção online. O candidato a vice-prefeito veio de uma coligação com indicação do Pastor Juscelânio, filiado ao Patriota.

A convenção foi realizada de forma totalmente online transmitida em redes sociais. O partido não definiu coligações até o momento.

Breno Mendes, de 42 anos, é natural de Cratéus (CE) e chegou em Rondônia com 7 anos de idade. Formado em Pedagogia e Direito, atua como advogado em Porto Velho há nove anos, e concorreu ao cargo de deputado estadual pelo PSD na eleição de 2018.

Cristiane Lopes (PP)

O Partido Progressista (PP) oficializou nesta terça-feira (15) a candidatura de Cristiane Lopes à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção realizada em duas etapas. O candidato a vice deve ser anunciado nos próximos dias.

Durante a convenção, realizada de forma presencial na Câmara de Vereadores da capital, o nome de 30 candidatos a vereador também foram divulgados, sendo 9 mulheres e 21 homens. O partido ainda anunciou coligação com o PROS e o PSC.

Cristiane Lopes Benarrosh tem 32 anos, é natural de Porto Velho, jornalista e excerce a profissão há 15 anos. Atualmente a candidatura é vereadora na capital rondoniense.

Edvaldo Soares (PSC)

Edvaldo Soares foi o escolhido do PSC para disputar a vaga de prefeito de Porto Velho — Foto: Diêgo Holanda/G1

O Partido Social Cristão (PSC) oficializou nesta segunda-feira (14), a candidatura de Edvaldo Soares à Prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu durante uma convenção com os filiados. O político já foi deputado estadual e concorreu à prefeitura de Ji-Paraná (RO). A vice-prefeita ainda não foi definida, mas deve ser uma mulher do próprio partido.

A convenção foi realizada presencialmente na sede do partido, no bairro São João Bosco, Zona Central de Porto Velho. Sem coligação prevista, o partido pretende lançar 32 candidatos a vereador.

Imagem .GIF que ilustra campanha publicitária do Governo de Rondônia ao combate contra o Coronavírus.

O jornalista e apresentador Edvaldo Soares, de 54 anos, é natural de Fátima do Sul (MS). Chegou em Rondônia em 1982 e já concorreu aos cargos de deputado federal e prefeito de Ji-Paraná, na Região Central. Foi deputado estadual e sub-chefe da Casa Civil e presidente do Instituto de Pesos e Medidas no governo Confúcio.

Eyder Brasil (PSL)

Geneci Gonçalves (PSTU)

O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) oficializou na segunda-feira (31) a candidatura de Geneci Gonçalves à Prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu por meio de uma convenção online. O político já concorreu ao cargo de vereador, em 2016. O candidato a vice na chapa é João Vitor Rocha, de 22 anos.

Geneci, de 51 anos, está em formação na área de Administração Pública Rural e Urbana, tem como base profissional o comércio e é micro empreendedor há 22 anos. Nasceu na cidade de Salto do Céu (MT) e chegou em Rondônia com 1 ano de idade. Concorreu ao cargo de vereador em 2016 pelo Partido da Mobilização Nacional (PMN).

Hildon Chaves (PSDB)

O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) oficializou nesta terça-feira (15) a candidatura de Hildon Chaves à reeleição para a prefeitura de Porto Velho. O anuncio aconteceu em convenção realizada em dois formatos: presencial e virtual. O nome do candidato a vice na chapa ainda não foi definido.

A convenção foi realizada na sede do partido, no bairro Nova Porto Velho, e definiu os nomes dos 31 candidatos que buscarão uma vaga de vereador pela legenda.

Hildon de Lima Chaves, de 52 anos, é natural do Recife. Concluiu o curso de direito em 1992, no Paraná, e foi aprovado no concurso de promotor do Ministério Público de Rondônia (MP-RO). Em 2013, deixou a carreira no MP para se dedicar às empresas do ramo educacional da família. Em 2016, foi candidato a prefeito de Porto Velho e venceu no segundo turno.

Leonel Bertolin (PTB)

O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) oficializou na noite desta segunda-feira (14) a candidatura de Leonel Bertolin à Prefeitura de Porto Velho. Bertolin já foi titular da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Semagric). O anúncio aconteceu durante convenção com os filiados, também transmitida pela internet. O candidato a vice não foi informado.

A convenção ocorreu por transmissão online no plenário da Câmara Municipal de Porto Velho, que contou com a presença de alguns partidários na sede. Sem coligação prevista, o PTB pretende lançar 28 candidatos a vereadores, sendo 19 homens e 9 mulheres.

Nascido na cidade de Galvão, em Santa Catarina (SC), João Leonel Bertolin, de 57 anos, se mudou para Rondônia em 1983. Nessa época, o candidato iniciou sua vida como administrador e comerciante no setor atacadista de gêneros alimentícios, além de ter trabalhado no ramo de transporte rodoviário.

Em 2013, Bertolin assumiu o cargo de secretário Semagric a convite do então prefeito Mauro Nazif.

Lindomar Garçon (Republicanos)

O Republicanos oficializou nesta terça-feira (15) a candidatura de Lindomar Garçom à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção realizada de forma presencial. A candidata a vice é a cabo Milene Barreto.

Durante a convenção, realizada de forma presencial na sede do partido, o nome de 32 candidatos a vereador também foram divulgados, sendo 10 mulheres e 22 homens. O partido não fará coligação.

Lindomar Barbosa Alves, conhecido como Lindomar Garçom, nasceu em Rondonópolis (MG) e chegou em Rondônia com 16 anos. O candidato foi eleito vereador em 1992 e prefeito de Candeias do Jamari (RO) em 1996, concorreu à prefeitura de Porto Velho na eleição de 2012 e foi eleito deputado federal em 2014.

Pimenta de Rondônia (PSOL)

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) oficializou nesta quinta-feira (10) a candidatura de Pimenta de Rondônia à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção que reuniu membros na sede do partido. O candidato a vice ainda não foi definido. A reunião realizada de forma presencial ainda definiu o nome de 13 candidatos a vereador. Definições sobre o candidato a vice da chapa e possíveis coligações ainda serão realizadas.

Nascimento Antônio da Silva, conhecido como Pimenta de Rondônia, tem 55 anos, é natural de Cidade Gaúcha (PR) e chegou em Rondônia aos quatro anos de idade. O candidato é comerciante há 25 anos e concorreu na última eleição majoritária, em 2018, ao cargo de governador.

Ramon Cajuí (PT)

O Partido dos Trabalhadores (PT) oficializou neste domingo (13) a candidatura de Ramon Cujuí à Prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção realizada à distância. O candidato a vice na chapa é Lhano Fernandes Adorno. O partido não fará coligação. A convenção foi realizada em Porto Velho através de um programa de vídeo conferência. O partido também lançou 24 candidatos a vereador, sendo 15 homens e nove mulheres.

Ramon Cujuí, de 50 anos, é natural de Porto Velho. O servidor público disputou nas eleições de 2018 ao cargo de deputado federal, e atualmente é o presidente do diretório municipal do partido na capital rondoniense.

Ronaldo Flores (Solidariedade)

O Partido Solidariedade oficializou nesta quarta-feira (16) a candidatura de Ronaldo Flores à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu por meio de uma convenção realizada por videoconferência. Essa é a primeira vez que o político disputa uma eleição. A candidata a vice é a pastora Sila, do Partido Verde (PV).

A convenção foi fechada e realizada em um escritório no bairro Agenor Martins de Carvalho, em Porto Velho. A legenda fez uma coligação com o PV e deve lançar 32 pleiteantes a vereador.

O policial militar da reserva Mauro Ronaldo Flores Correa, de 53 anos, é natural de Santa Maria (RS) e formou-se em Direito. Vive em Rondônia há 26 anos, tempo em que atuou na Polícia Militar (PM). Ele já chegou a ocupar o posto de comandante-geral da corporação.

Ruy Motta (PDT)

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) oficializou nesta terça-feira (15) a candidatura de Ruy Motta à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção realizada de forma presencial. O candidato a vice deve ser anunciado nos próximos dias.

Durante a convenção, realizada na sede do partido, o nome de 25 candidatos a vereador também foram divulgados, sendo 10 mulheres e 15 homens. O partido ainda não definiu se fará coligação.

Ruy Parra Motta tem 64 anos e atua como advogado há 30 anos. Natural de Porto Velho, o candidato também é procurador da Assembleia Legislativa de Rondônia, já disputou eleições em anos anteriores e assumiu como suplente do senador Acir Gurgacz em 2010.

Samuel Costa (PCdoB)

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) oficializou, neste sábado (12), a candidatura de Samuel Costa à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu em uma convenção presencial. Essa é a terceira vez que o político participa de uma eleição, a primeira disputando uma prefeitura. O candidato a vice deve ser definido nos próximos dias. A convenção foi realizada na sede do partido, no bairro São Cristóvão, Zona Central de Porto Velho. O partido, que ainda não definiu coligações, tem 26 pleiteantes a vereador.

O professor e jornalista Samuel Costa, de 30 anos, é formado em direito. Participou da primeira eleição em 2012, quando concorreu a vereador pelo Partido da República (PR). Em 2014 disputou uma vaga de deputado estadual pelo então Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB).

Ted Wilson (PRTB)

O partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) oficializou no sábado (12), a candidatura de Ted Wilson à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu durante uma convenção mista, realizada de forma presencial e online. O candidato a vice-prefeito é o pastor Leonardo Luz. O PRTB não fez coligação com outros partidos. A convenção foi realizada na sede do partido, no bairro Nova Porto Velho, e contou com a presença dos pré-candidatos a vereador. Sem coligação prevista, o partido tem 32 pleiteantes ao Legislativo.

Natural de Porto Velho, o empresário Ted Wilson de Almeida Ferreira, de 50 anos, já foi vereador da capital rondoniense por duas legislaturas. Em 2018, ele concorreu ao cargo de senador.

Vinícius Miguel (Cidadania)

O Cidadania oficializou no início da tarde desta segunda-feira (14) a candidatura de Vinícius Miguel à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu por meio de convenção online. O candidato a vice não foi informado.

A convenção foi realizada na capital rondoniense e aconteceu de forma fechada pela plataforma online. O Cidadania faz coligação com o partido da Rede Sustentabilidade. São 30 candidatos ao cargo de vereador. Desses, 15 são mulheres e os outros 15 são homens.

Vinícius Miguel tem 35 anos. Ele nasceu em Goiânia (GO), mas cresceu em Porto Velho. O candidato é professor e atua na área há mais de nove anos. O político esteve entre os candidatos para governador de Rondônia no pleito de 2018.

Williames Pimental (MDB)

O Movimento Democrático Brasileiro (MDB) oficializou, neste sábado (11), a candidatura de Williames Pimentel à prefeitura de Porto Velho. O anúncio aconteceu por meio de uma convenção presencial do partido. O candidato a vice ainda não foi definido.
A convenção foi realizada no auditório do MDB, na capital. Nas eleições deste ano, o partido anunciou que vai lançar 32 candidatos vereadores em Porto Velho. Destes, 10 são mulheres e 22 homens.

Williames Pimentel, de 58 anos, nasceu em Porto Velho e é servidor público há 42 anos. Pimentel é casado, pais de três filhos e formado em direito. Ele se candidatou à vaga de prefeito em 2016.
Pimentel também foi secretário de saúde entre 2001 e 2018.

Por Rondonoticias


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email