Search
Close this search box.
Publicidade

Deputado Cássio Gois alerta para os problemas da saúde em Rondônia

Isso é outra preocupação de o Estado lançar esses credenciamentos e não haver os profissionais ou as redes para atendimento...
Publicidade

O deputado estadual Cássio Gois (PSD) fez uso da tribuna no plenário da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia, na tarde desta terça-feira(1), durante a Sessão Ordinária que ocorreu no local.

Na ocasião, ele falou para os presentes sobre a questão da saúde pública no Estado de Rondônia. O parlamentar lembrou que a saúde não espera. Observou que os debates devem ocorrer mas, no momento da dor, a ação precisa ser imediata. “Eu e a deputada Claúdia do PT, como membros da Comissão de Saúde, recebemos um documento, em julho, solicitando uma providência dessa Casa em tudo o que tem sido feito em relação a Saúde no Estado de Rondônia. Hoje, ouvimos o secretário de Saude, Jeferson Ribeiro da Rocha; a equipe técnica da Sesau; e o Conselho de Saúde, na pessoa do dr. Robson Cardoso Machado Yaluzan, estiveram presentes. A reunião durou quase duas horas”, disse.

Publicidade

Nesse encontro, contou Cássio, o presidente do Conselho foi muito claro em relação à falta de médicos, de leitos e aos problemas crônicos enfrentados pelo setor de Saúde rondoniense. Cássio informou também que o secretário estadual de Saúde trouxe, detalhadamente, todas as medidas que serão adotadas neste segundo semestre. “Ele já alertou que em Cacoal, a Saúde pública passaria por um novo modelo. Trata-se do credenciamento de procedimentos cirúrgicos e que serão credenciados quatro procedimentos. Espero que as unidades tenham interesse em oferecer esse serviço pelo Estado. Isso é outra preocupação de o Estado lançar esses credenciamentos e não haver os profissionais ou as redes para atendimentos”, ressaltou.

Procedimento

Os procedimentos médicos a serem credenciados seriam ortopédicos, urológicos, ginecológicos e as cirurgias gerais. O parlamentar explicou que junto com essa ação está o lançamento de um edital para mais de 200 profissionais médicos e técnicos. “Então, pedimos que o Estado dê celeridade nisso. As pessoas não podem mais esperar tanto nas cirurgias eletivas, como nos exames de alta complexidade e imagem que precisam ser feitos. Solicitei que as cirurgias neurológicas em Cacoal sejam retomadas, e o secretário fez um compromisso, informando que faltam apenas alguns itens para que esses procedimentos voltem a ocorrer na totalidade”, declarou.

Fechando a fala, Cássio Goes lembrou da emissão das Carteiras de Identidades no Estado de Rondônia. Ele pediu que fossem fornecidos mais kits, pois, em alguns municípios está demorando até três meses para as pessoas terem acesso à nova identidade. “Propomos que sejam feitos mutirões na região central do Estado, para que as pessoas tenham tranquilidade. Hoje, em qualquer órgão público do Estado ou Governo Federal, é pedido o documento com foto. Fica aqui o nosso apelo”, concluiu.

Texto: Ivanilson Frasão I Secom Alero
Foto: Rafael Oliveira I Secom Alero

Combate Clean Anúncie no JH Notícias