Siga

Política

Maurão e Hermínio se reúnem com remanescentes do concurso de socioeducadores de 2014

              

A convocação dos cerca de 150 aprovados, remanescentes do concurso público de 2014, para agentes de segurança socioeducadores foi discutida pelo presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (MDB) e o deputado Hermínio Coelho (PCdoB), durante reunião na manhã desta segunda-feira (23), com uma comissão dos aprovados.

Dos 320 aprovados, apenas 126 foram chamados, com alguns inclusive já tendo saído para outras funções ou cargos, aumentando a necessidade desses profissionais no sistema, que é responsável pelo acompanhamento dos adolescentes em conflito com a lei.

Segundo os aprovados, o Governo prepara uma convocação de apenas 20 nomes, número insuficiente para suprir a carência e que, pelo custo da academia, não compensaria.

“Vamos lutar para que esse número aumente, chegando até a 80 convocados, pelo menos. Vamos acionar o governador Daniel Pereira (PSB) e a chefia da Casa Civil, para que possamos discutir uma saída para a ampliação das convocações”, explicou Maurão.

Hermínio disse que o sistema carece de pessoas. Ele relatou que recebeu uma cópia de um estudo recente do Juizado da Infância e da Juventude, apontando a defasagem de 137 profissionais, para as unidades de internação, provisória, feminina e equipe de escolta.

“Ou seja, há a necessidade, temos os aprovados esperando e o que é preciso é o Governo definir o número de convocados, que vamos lutar para ser de 80, e iniciar logo uma nova academia”, completou Coelho.

Participaram do encontro os remanescentes Arão Lobo, Francisco Fábulo, Alissandro Maia, Ely Mendes, Raimundo Silva, Eudes Costa e Abmael Amorim.

ALE/RO - DECOM - Eranildo Costa Luna 
Foto: Lusângela França

              

Mais em Política