Search
Close this search box.
Publicidade
EcoRondônia

RO é Agro: produção de gelo chega a seis toneladas dia e atende pescadores em Costa Marques

Emenda parlamentar garantiu inauguração de fábrica no município.
Publicidade

Toda vez que Nair e seu marido saiam para pescar já tinham que deixar em casa uma boa quantidade de gelo para armazenar o resultado da pesca. Em época boa, era possível voltar para casa com até 500 quilos de pescado. No assoalho da  “rabeta” vinha uma boa variedade de peixes, mas os destaques eram sempre para o tambaqui, pintado e pacu, espécies mais procuradas pelos compradores.

Na contramão da boa pescaria, Nair e o marido enfrentavam o problema da falta de gelo para conservar os peixes, já que nem sempre havia uma venda rápida de tudo que eles conseguiam pescar. A maior quantia de gelo que o casal conseguia produzir chegava a 30 garrafas de 2 litros de água, o que só dava para encher um freezer horizontal. “Só conseguíamos isso, então tínhamos que nos virar”, explicou a pescadora.

Publicidade

Quando Nair e os demais associados da Colônia de Pescadores e Agricultores Z4, de Costa Marques , receberam a notícia da chegada de uma  fábrica de gelo, a euforia foi geral. Foram quatro anos de discussões até a efetiva instalação da fábrica em 2023, por meio de emenda parlamentar do deputado estadual Laerte Gomes (PSD).

Hoje a fábrica atende aproximadamente 200 associados da colônia que não precisam mais se preocupar em correr o risco de perder seu peixe por não haver gelo para acondicioná-lo. Com uma produção diária de seis toneladas de gelo, a indústria também abastece a cidade e grandes eventos como o tradicional Festival de Praia de Costa Marques que costuma reunir mais de 30 mil pessoas.

Segundo Elizeu Tomichá, presidente da Colônia de Pescadores Z4, após 20 anos sem uma fábrica de gelo, os pescadores vivem uma nova realidade. Independente da quantidade de peixes que conseguirem pescar, os associados estão tranquilos quanto a possibilidade de armazenar estoque sem risco de perder o suor da produção.

RONDÔNIA RURAL SHOW INTERNACIONAL

O estado se prepara para receber, no período de 20 a 25 de maio, o Brasil e o mundo na 11ª Rondônia Rural Show Internacional, no Centro Tecnológico Vandeci Rack, em Ji-Paraná. Com o tema “Agricultura da Amazônia”, a feira do agronegócio rondoniense é realizada pelo Governo do Estado, e a cada edição apresenta evolução, chegando a alcançar mais de R$ 3,5 bilhões em movimentação econômica, em 2023, se consolidando como o maior segmento do agronegócio, do Norte do Brasil.

ALERO NA RONDÔNIA RURAL SHOW

A cidade de Ji-Paraná recebe, no próximo dia 23 de maio (quinta-feira), a sessão itinerante extraordinária da Assembleia Legislativa de Rondônia (Alero). A decisão foi confirmada no último dia 10 de abril (quarta-feira), por meio do Projeto de Resolução 577/2024, de autoria da Mesa Diretora, estabelecendo a transferência do Poder Legislativo durante a realização da 11ª edição do Rondônia Rural Show Internacional.

SÉRIE “RO É AGRO”

As matérias da série “RO é Agro” serão veiculadas no Portal da Alero, pelo canal da TV Assembleia, 7.2, e ainda pelo canal no YouTube. Os vídeos produzidos também serão disponibilizados no estande da Casa de Leis, durante a realização da 11ª Rondônia Rural Show Internacional.

Anúncie no JH Notícias