Search
Close this search box.

Samuel Costa defende “Frente Democrática” na disputa pela Prefeitura de Porto Velho

Samuel Costa destacou a importância da convergência entre os partidos logo no primeiro turno das eleições
Publicidade

Em um evento realizado na sede social do Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Rondônia (SINDSEF), o pré-candidato a prefeito Samuel Costa (REDE), reafirmou seu compromisso com a defesa dos interesses dos cidadãos de Porto Velho. A solenidade, que atraiu centenas de militantes das federações REDE/PSOL e PT/PV/PCdoB, além dos partidos PSB e PDT, foi marcada pela defesa de uma união do campo progressista para as eleições municipais de 2024.

Samuel Costa destacou a importância da convergência entre os partidos logo no primeiro turno das eleições, enfatizando que a força do movimento está na coletividade. “Ninguém é bom sozinho e ninguém é insubstituível, só somos fortes se estivermos unidos num só propósito que é resgatar a representatividade na Câmara Municipal, elegendo uma bancada forte e atuante na defesa do bem-estar social e na garantia dos direitos de todos e todas”, afirmou Costa.

Publicidade

O evento contou também com a presença dos pré-candidatos Vinicius Miguel (PSB), Fátima Cleide (PT) e Célio Lopes (PDT), que reafirmaram seu compromisso com a luta por justiça social. Durante suas falas, ressaltaram a necessidade de uma frente democrática que possa defender os direitos da população de Porto Velho de maneira eficaz e justa.

O discurso de Samuel Costa foi um dos pontos altos do encontro, no qual ele enalteceu a qualidade dos demais pré-candidatos e destacou as realizações das administrações passadas dos ex-prefeitos Chiquilito Erse (PDT), Roberto Sobrinho (PT) e Dr. Mauro Nazif (PSB). “Muitas coisas boas e exitosas foram feitas nas gestões anteriores, mas é necessário que o campo progressista faça uma autocrítica e melhore alguns pontos que poderiam ser aperfeiçoados”, disse Costa.

Concluindo seu discurso de forma otimista, Costa declarou: “Num passado não muito distante, Porto Velho foi feliz nas gestões do PDT, PT e PSB, representados respectivamente na pessoa do saudoso Chiquilito, Roberto Sobrinho e Dr. Mauro Nazif. Agora é a vez da federação REDE/PSOL encabeçar o projeto rumo à prefeitura de Porto Velho. Tenho absoluta certeza que, unidos com o povo, chegaremos ao segundo turno e venceremos a prefeitura.”

A proposta de Samuel Costa de formar uma frente democrática progressista reflete um esforço de unir forças para enfrentar os desafios políticos e sociais da capital de Rondônia. A expectativa é de que essa união fortaleça a representatividade na Câmara Municipal e garanta avanços significativos na defesa dos direitos da população de Porto Velho.

Anúncie no JH Notícias