Notícias de Rondônia

Governador enaltece sabedoria e honra na nova jornada de procurador e corregedor empossados no Ministério Público

Postado em 18/05/2019 às 11h19min


Governador enaltece sabedoria e honra na nova jornada de procurador e corregedor empossados no Ministério Público

A importância da união entre os Poderes visando buscar medidas que possam ir ao encontro da sociedade, bem como o desenvolvimento de um trabalho integro e honrado foram enfatizados pelo governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, durante explanação feita na cerimônia de posse do Promotor de Justiça Aluildo de Oliveira Leite, no cargo de procurador-geral de Justiça, e ao procurador de Justiça Cláudio Wolff Hager como corregedor-geral do Ministério Público de Rondônia  para o biênio 2019/2021. A solenidade aconteceu na noite de sexta-feira (17), no auditório do edifício-sede do MPRO, em Porto Velho, com a presença de diversas autoridades civis e militares, membros, servidores e familiares dos empossados.

Ao fazer o uso da palavra, o governador, que esteva acompanhado da primeira-dama e secretária da Seas, Luana Rocha, destacou a honra de dois promotores de Justiça que estavam na lista tríplice para a escolha do novo procurador-geral e abriram mão para que o primeiro colocado fosse empossado, no caso o promotor de Justiça Aluildo de Oliveira Leite.

Marcos Rocha fez um breve apanhado das funções que desempenhou citando sua trajetória a frente da Secretária de Justiça do Estado, na direção geral do Colégio Tiradentes e, inclusive durante sua passagem pela Secretária Municipal de Educação. Em seguida, o governador, enaltecendo o trabalho honrado desenvolvido pelo Ministério Público. “Devemos destacar o quanto é importante a união dos Poderes  para medidas em prol da sociedade. O Ministério Público sempre se mostrou integro, dedicado e honrado e que agora passa a contar com novo procurador-geral e corregedor-geral empossados. E gratificante estar aqui agora como governador do Estado e desejo vitórias para honrar nossa sociedade e não tenho dúvidas disso por contra do Ministério Público”, argumentou o governador.

O Promotor de Justiça Aluildo de Oliveira ficou em primeiro lugar em eleição realizada no dia 15 março de 2019 para compor a lista de tríplice encaminhada ao governador Marcos Rocha para escolha do procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Estado de Rondônia para o biênio 2019/2021. Foi nomeado para o cargo pelo governador no dia 18 de março de 2019.

O agora procurador-geral de Justiça Aluildo de Oliveira Leite ingressou na carreira como Promotor de Justiça substituto no dia 14 de novembro de 1996. Atuou nas Promotorias de Justiça de Costa Marques, Alvorada do Oeste, Guajará-Mirim, Ariquemes e Ouro Preto do Oeste. Foi promovido, pelo critério de merecimento, para 6ª Promotoria de Justiça de Porto Velho, em 2010. Ocupou os cargos de diretor do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente; chefe de gabinete da Corregedoria-Geral do MP; diretor do Centro de Atividades Judiciais (CAEJ) e, recentemente, exercia a chefia de gabinete da Procuradoria-Geral de Justiça.

O Procurador de Justiça Cláudio Wolff Harger foi eleito pelo Colégio de Procuradores de Justiça por aclamação, ao cargo de Corregedor-Geral do MPRO para o biênio 2019/2021, no dia 7 de março.

O novo Corregedor-Geral do MPRO iniciou sua carreira no Ministério Público do Estado de Rondônia no dia 20 de setembro de 1988, quando tomou posse no cargo de Promotor de Justiça. Atuou nas Comarcas de Cerejeiras; Cacoal; Ariquemes e Porto Velho. Exerceu também os cargos de chefe de gabinete da Procuradoria-Geral de Justiça, ouvidor Geral do MPRO e, atualmente, é diretor do Centro de Atividades Extrajudiciais e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Entre outras atuações no Tribunal do Júri, participou do Julgamento do Caso Corumbiara. Foi designado pela Portaria nº 0254, de 29 de março de 2010 para atuar no processo nº 000.5496-08.2002.8.22.0501, referente ao julgamento de envolvidos em assassinatos no presídio Urso Branco.

Por Secom/RO